Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação da segurança microbiológica das luvas de látex para procedimento em uma unidade de terapia intensiva (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERREIRA, ADRIANO MENIS - EERP
  • USP Schools: EERP
  • Subjects: LUVAS CIRÚRGICAS; INFECÇÃO HOSPITALAR; STAPHYLOCOCCUS; RESISTÊNCIA MICROBIANA ÀS DROGAS
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: a utilização de luvas de látex para procedimentos é essencial nas atividades que envolvem risco biológico no cuidado à saúde, no entanto ainda é controversa a segurança microbiológica das luvas de procedimento, considerando sua exposição ambiental. Objetivos: quantificar as Unidades Formadoras de Colônias (UFC) das luvas de látex para procedimentos em momentos distintos (início, meio e fim das caixas) na situação real e controle de enluvamento; avaliar a contaminação das luvas conforme o tempo de exposição ambiental das caixas; isolar o microrganismo mais freqüente e determinar o perfil de sensibilidade aos antibióticos. Material e Método: trata-se de um estudo comparativo e prospectivo realizado em uma unidade de terapia intensiva de um hospital-escola. Após aprovação do comitê de ética em pesquisa, procedeu-se à coleta das amostras microbiológicas das luvas de látex por meio da digito-pressão em placas de Petri, preparadas com meio de cultura Mueller Hinton (MH). Esse procedimento foi realizado em 31 caixas de luvas de látex para procedimentos em diferentes momentos (início, meio e fim das caixas) e em situação real de enluvamento e controle. O Etest® foi utilizado na determinação do perfil de sensibilidade aos antibióticos (Ciprofloxacina®, Oxacilina®, Cefepime®, Gentamicina®, Amicacina® e Vancomicina®). Os dados foram submetidos a análise estatística por meio do Teste de Cochran e Spearman, considerando nível de significância de a=0,05.Para comparação do número de UFC, realizou-se análise de variância (ANOVA) com medidas repetidas. Resultados: totalizaram-se 372 placas de Petri, das quais 186 foram obtidas na situação real de enluvamento e 186 no controle. A média de UFC foi de 4,7, na situação controle, e de 6,2 na situação real de enluvamento, nô demonstrando diferenças estatisticamente significantes (p=0,601). Em relação à avaliação dos pares de ) luvas no início, meio e fim da caixa na situação real de enluvamento e controle, não foram evidenciadas diferenças significantes no crescimento microbiano (UFC). Na associação entre o tempo de abertura ao término da caixa de luvas e o número de UFC, tanto na situação real de enluvamento quanto no controle, não houve correlação (p=0,63). Quanto aos microrganismos, a bactéria Staphylococcus spp. foi a mais freqüente. Com relação ao perfil de sensibilidade, 13 cepas (24,8%) apresentaram resistência a pelo menos 2 antibióticos; destas, 3 (5,5%) tiveram resistência a vancomicina. Conclusão: os resultados corroboraram a hipótese inicial da pesquisa quanto à segurança microbiológica das luvas de látex para procedimentos considerando os baixos valores de UFC
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.10.2007
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EE10200012986T3344
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERREIRA, Adriano Menis; ANDRADE, Denise de. Avaliação da segurança microbiológica das luvas de látex para procedimento em uma unidade de terapia intensiva. 2007.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-13112007-152702/ >.
    • APA

      Ferreira, A. M., & Andrade, D. de. (2007). Avaliação da segurança microbiológica das luvas de látex para procedimento em uma unidade de terapia intensiva. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-13112007-152702/
    • NLM

      Ferreira AM, Andrade D de. Avaliação da segurança microbiológica das luvas de látex para procedimento em uma unidade de terapia intensiva [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-13112007-152702/
    • Vancouver

      Ferreira AM, Andrade D de. Avaliação da segurança microbiológica das luvas de látex para procedimento em uma unidade de terapia intensiva [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-13112007-152702/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: