Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação dos agregados ("Clusters") da amilopectina em solução aquosa (2008)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MIRANDA, JACQUES ANTONIO DE - FFCLRP
  • USP Schools: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 593
  • Subjects: BIOPOLÍMEROS; QUÍMICA
  • Keywords: Amilopectina; Biopolímeros; Sondas fotofísicas; Amylopectin; Biopolymer; Photophysical probe
  • Language: Português
  • Abstract: O interesse em estudar as estruturas e o comportamento em solução de biopolímeros reside no seu grande potencial de aplicação industrial como, por exemplo, agentes controladores de viscosidade em formulações farmacêuticas, alimentícias, entre outras. Estudos recentes, tendo em vista o aumento da biodegradabilidade de polímeros sintéticos, obtiveram razoável sucesso na associação de polímeros naturais, como o amido, com plásticos, como o polietileno de baixa densidade. Neste trabalho, investigamos o microambiente da amilopectina na ausência e presença de tensoativos não-iônicos como o éter dodecil (7 e 23)-polioxietilênico (Unitol L-70 e L-230) e o nonilfenol (9,5)-polioxietilênico (Renex 95), por meio das propriedades físico-químicas de sondas de polaridade: pireno, xantona e Reichardt. Os estudos foram realizados através de técnicas espectroscópicas em estado estacionário (absorção de luz ultravioleta-visível e fluorescência) e resolvidas no tempo (baseadas na contagem de fótons únicos da emissão de fluorescência e na absorção triplete-triplete (T -T) e de intermediários reativos formados após a fotólise da amostra por pulso de laser). Estas técnicas forneceram os valores de: concentração de agregação crítica (cac), concentração micelar crítica (cmc), número de agregação (‘N IND. ag’) e polaridade (escala py e’ E IND. T’30) para os sistemas avaliados. Os dados obtidos foram comparados com as soluções contendo a presença ou não dos tensoativosnão-iônicos e a carboximetil celulose (CMC) e 2-hidroxietil amido (2-HEAM). Por fim, a estabilidade do cátion 2-fenilbenzopirílio foi avaliada em diferentes solventes orgânicos, nas micelas dos tensoativos estudados, nos biopolímeros e nos complexos biopolímero-tensoativo. Dois procedimentos experimentais diferentes foram adotados para o preparo das soluções de amilopectina. As diferenças na preparação das soluções de amilopectina tornaram evidente que este biopolímero ) possui diferentes ambientes para a localização das sondas. Estas diferenças não foram observadas na presença de CMC e de 2-HEAM. Os resultados experimentais confirmaram a interação cooperativa entre a amilopectina e os tensoativos Unitol L-70 e L-230. Esta interação é menos pronunciada para os sistemas formados entre os tensoativos e 2-HEAM e desfavorecidos na presença de CMC. Nos experimentos onde foi avaliado o equilíbrio monômero-excímero do pireno, verificou-se que os complexos amilopectina-tensoativo agrupam um número maior de moléculas de pireno do que os clusters de amilopectina sozinhos. Estes ambientes favoreceram ambos os movimentos de rotação e translação entre as moléculas, para a formação do excímero
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.03.2008
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MIRANDA, Jacques Antonio de; OKANO, Laura Tiemi. Avaliação dos agregados ("Clusters") da amilopectina em solução aquosa. 2008.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59138/tde-09062010-135005/ >.
    • APA

      Miranda, J. A. de, & Okano, L. T. (2008). Avaliação dos agregados ("Clusters") da amilopectina em solução aquosa. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59138/tde-09062010-135005/
    • NLM

      Miranda JA de, Okano LT. Avaliação dos agregados ("Clusters") da amilopectina em solução aquosa [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59138/tde-09062010-135005/
    • Vancouver

      Miranda JA de, Okano LT. Avaliação dos agregados ("Clusters") da amilopectina em solução aquosa [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59138/tde-09062010-135005/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019