Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação da percepção da qualidade de vida e do estado psicológico de pacientes candidatos a transplante de fígado (2008)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MARTINS, PATRíCIA DUARTE - FFCLRP
  • USP Schools: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: TRANSPLANTE DE FÍGADO; DEPRESSÃO; QUALIDADE DE VIDA (ASPECTOS PSICOLÓGICOS)
  • Language: Português
  • Abstract: Nas doenças crônicas do fígado, especialmente a cirrose hepática, a qualidade de vida pode ser prejudicada devido à progressão clínica e presença de complicações relativas à doença, restrições na vida social e ocupacional, tendo forte impacto nas atividades diárias, desenvolvimento social e psicológico. Atualmente o transplante de fígado (TF) é a principal terapêutica para pacientes com doença hepática avançada, alcançando bons índices de sobrevida. Dentre os objetivos deste procedimento, espera-se proporcionar melhora significativa na qualidade de vida destes pacientes. A descoberta do diagnóstico e a possibilidade de submeter-se a TF podem provocar dificuldades subjetivas importantes que vão desde alterações na dinâmica familiar até o desamparo com sintomas de ansiedade, fobia, obsessão e depressão, nos mais variados níveis. O estado psicológico pode ser severamente comprometido nas diferentes fases do tratamento. Os objetivos do presente estudo foram: identificar o estado psicológico e avaliar o nível da qualidade de vida, relacionando-os à etiologia e gravidade da doença hepática, comorbidades médicas e tempo de espera em lista para transplante e descrever a freqüência de queixas somáticas, em pacientes candidatos a TF no HCFMRP-USP. A coleta dos dados foi realizada no próprio local de atendimento e utilizados os seguintes instrumentos: Escala de Avaliação da Qualidade de Vida da Organização Mundial da Saúde (WHOQoL-BREF), Beck Depression Inventory (BDI) eentrevista semi-estruturada. Para a análise do BDI-13 (Subescala Cognitivo-afetiva), foram considerados "deprimidos" os pacientes com escore acima de 10. Participaram 121 pacientes adultos, sendo a maioria do sexo masculino, com união estável e na faixa etária de 41 a 60 anos de idade. Observou-se prevalência de 19% de depressão. Nesta população a depressão foi associada significativamente a menor nível instrucional e não incidiu predominantemente em ) nenhum grupo etiológico, apesar de estar presente na maioria dos pacientes que apresentaram a comorbidade etilismo. O percentual de pacientes com MELD <= 15 foi significativamente superior no grupo que apresentou depressão. Também houve diferença estatisticamente significativa entre a queixa mudança na imagem corporal da Subescala Queixas Somáticas e Desempenho do BDI e cirrose hepática por vírus da hepatite C (incluindo aqueles com etilismo como comorbidade). As queixas fadiga e perda da libido tiveram diferença estatística em pacientes com maior gravidade da doença, medida respectivamente pelas escalas MELD (Model for End-stage Liver Disease) e Child-Turcotte-Pugh. Verificou-se que estas queixas somáticas e a depressão interferiram negativamente, com diferença estatística, em todos os domínios da qualidade de vida. Não se verificou, como esperado, interferência da etiologia e gravidade da doença hepática na qualidade de vida. Evidenciou-se que os fatores psicológicos e sociais desencadeados pela doençativeram impacto sobre a reduzida qualidade de vida encontrada no presente estudo. A pesquisa permitiu a descrição de pacientes candidatos a transplante de fígado. Ressalta-se a evidente relevância do estudo por fornecer subsídios adicionais para intervenções psicológicas específicas e favorecer intervenções multidisciplinares, proporcionando assim assistência global ao paciente
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.05.2008
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCLRP20800027535Martins, Patrcia Duarte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARTINS, Patrícia Duarte; GORAYEB, Ricardo. Avaliação da percepção da qualidade de vida e do estado psicológico de pacientes candidatos a transplante de fígado. 2008.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-10062008-105727/ >.
    • APA

      Martins, P. D., & Gorayeb, R. (2008). Avaliação da percepção da qualidade de vida e do estado psicológico de pacientes candidatos a transplante de fígado. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-10062008-105727/
    • NLM

      Martins PD, Gorayeb R. Avaliação da percepção da qualidade de vida e do estado psicológico de pacientes candidatos a transplante de fígado [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-10062008-105727/
    • Vancouver

      Martins PD, Gorayeb R. Avaliação da percepção da qualidade de vida e do estado psicológico de pacientes candidatos a transplante de fígado [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-10062008-105727/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: