Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Efeito do antagonista do receptor CRH-’R IND. 1’ sobre a secreção de gonadotrofinas, prolactina, corticosterona e progesterona em ratas submetidas a estresse (2008)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: TRASLAVIÑA, GUILLERMO ANDREY ARIZA - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFI
  • Subjects: NEUROENDOCRINOLOGIA (REPRODUÇÃO); NEUROPEPTÍDEOS; NEUROTRANSMISSORES
  • Language: Português
  • Abstract: O estresse agudo altera a atividade do eixo hipotálarno-hipotálamo-gonadal (HPG) em vários níveis. O hormônio liberador de corticotrofina (CRH) é a principal substância hipotalârnica reguladora do eixo hipotálamo-hipófise-adrenal (HP A) e exerce suas ações via ativação de receptores CRH-’R IND. 1’ e CRH-’R IND. 2’. O CRH-’R IND. 1’ tem expressão maior no sistema nervoso central e está mais envolvido em distúrbios relacionados à hiperatividade do eixo HPA. Antalarmin é um antagonista seletivo não peptídico dos receptores CRH-’R IND. 1’. No presente foi avaliado se o efeito de estresse agudo em associação à ação estrogênica sobre a secreção de hormônio luteinizante (LH), hormônio folículo estimulante (FSH), prolactina (PRL), corticosterona (B) e progesterona (P) tem mediação de CRH através de receptores CRH-’R IND. 1’. Ratas fêmeas castradas submetidas à terapia substitutiva com estrógeno (10’mü’g s.c. por 3 dias) receberam antalarmin (doses de 0,1 ou 0,5mg/kg por via endovenosa ou 1’mü’g/0,5ul por via intracerebroventricular) ou veículo antes de serem submetidas a estresse de contenção por 40 minutos. Realizou-se coleta seriada de amostras de sangue através de cânula jugular antes (às 10h) e depois do estresse para avaliar efeitos imediatos (até 14h) e os efeitos na tarde após estresse (até 18h). O estresse induziu aumento significativo (P<0,001) da secreção de LH, B e P, que foi atenuado por antalarmin (P<0,001). As concentrações de PRL e FSH não foram alteradasimediatamente após o estresse, mas, houve atraso do pico de secreção da PRL LH e FSH. Somente os efeitos do estresse sobre a PRL foram revertidos por antalarmin (P<0,001). Os resultados indicam que as alterações induzidas por nosso modelo de estresse no eixo HPA, no eixo HPG, e no sistema de controle de secreção de PRL, podem ser mediadas em parte por ações do CRH através de receptores CRH-’R IND. 1’
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.05.2008

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200035448Traslavia, Guillermo A. Ariza
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TRASLAVIÑA, Guillermo Andrey Ariza; FRANCI, Celso Rodrigues. Efeito do antagonista do receptor CRH-’R IND. 1’ sobre a secreção de gonadotrofinas, prolactina, corticosterona e progesterona em ratas submetidas a estresse. 2008.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008.
    • APA

      Traslaviña, G. A. A., & Franci, C. R. (2008). Efeito do antagonista do receptor CRH-’R IND. 1’ sobre a secreção de gonadotrofinas, prolactina, corticosterona e progesterona em ratas submetidas a estresse. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Traslaviña GAA, Franci CR. Efeito do antagonista do receptor CRH-’R IND. 1’ sobre a secreção de gonadotrofinas, prolactina, corticosterona e progesterona em ratas submetidas a estresse. 2008 ;
    • Vancouver

      Traslaviña GAA, Franci CR. Efeito do antagonista do receptor CRH-’R IND. 1’ sobre a secreção de gonadotrofinas, prolactina, corticosterona e progesterona em ratas submetidas a estresse. 2008 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: