Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo químico e avaliação da atividade citotóxica das ascídias Didemnum psammatodes (Sluiter, 1885) e Eudistoma vannamei Millar, 1977 (Tunicata: Ascidiacea) (2006)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: TAKEARA, RENATA - FCFRP
  • USP Schools: FCFRP
  • Sigla do Departamento: S/D
  • Subjects: TUNICATA; CITOTOXICIDADE IMUNOLÓGICA
  • Language: Português
  • Abstract: Amostras de Didemnum psammatodes foram coletadas em Icapuí (CE) e Trairi (CE). O extrato metanólico de D. psammatodes, proveniente de Icapuí, foi submetido a processo de fracionamento e purificação por diversas técnicas cromatográficas, obtendo-se quatro nucleosídeos (2-deoxiuridina, 2-deoxiinosina, timidina e 2-deoxiguanosina), três esteróides em mistura (colestanol, colestanona e estigmasterol) e três derivados do glicerol éter em mistura (2,3-propanodiol, 1- heptadeciloxi; álcool batílico e 2,3-propanodiol, 1-nonadeciloxi). O extrato metanólico de D. psammatodes, proveniente de Trairi, foi inicialmente particionado, originando as fases aquosa, hexânica, clorofórmica, butanólica e hidroalcoólica. A fase hexânica inibiu o ciclo celular de ovos de ouriço do mar e exibiu toxicidade em células tumorais. Ela foi fracionada por técnicas cromatográficas e obtiveram-se três ácidos graxos metilados em mistura (miristato de metila, palmitato de metila e estearato de metila), dois esteróides em mistura (colestanol e colestanona), dois ácidos graxos em mistura (ácido palmítico e ácido esteárico) e três derivados do glicerol éter em mistura (2,3-propanodiol, 1-heptadeciloxi; álcool batílico e 2,3- propanodiol, 1-nonadeciloxi). A fase clorofórmica também inibiu o ciclo celular de ovos de ouriço do mar e exibiu toxicidade em células tumorais. Ela foi fracionada por técnicas cromatográficas e obtiveram-se seis ácidos graxos em mistura (ácido láurico, ácido mirístico, ácidopentadecanóico, ácido palmítico, ácido margárico e ácido esteárico). A fase aquosa foi submetida ao processo de fracionamento e purificação por diversas técnicas cromatográficas, obtendo-se dois nucleosídeos (uridina e timidina) e um núcleo purínico (hipoxantina). A fase butanólica resultou no isolamento e identificação de dois nucleosídeos (2-deoxiguanosina e timidina). Amostras de Eudistoma vannamei foram coletadas em São Gonçalo do Amarante (CE). O ) extrato metanólico de E. vannamei foi particionado, originando as fases hexânica e hidroalcoólica. A fase hexânica inibiu o ciclo celular de ovos de ouriço do xi mar e exibiu toxicidade em células de linhagem B-16. Ela foi fracionada por técnicas cromatográficas e obtiveram-se cinco ácidos graxos metilados (miristato de metila, palmitato de metila, estearato de metila, palmitoleato de metila e oleato de metila), dois esteróides (colestanona e colesterol) e cinco ácidos graxos (ácido mirístico, ácido pentadecanóico, ácido palmítico, ácido margárico e ácido esteárico). A fase hidroalcoólica resultou no isolamento e identificação de dois nucleosídeos (guanosina e adenosina). As substâncias foram identificadas por métodos espectroscópicos e cromatográficos, comparando-se os valores obtidos com aqueles da literatura e padrões. Os nucleosídeos 2-deoxiuridina e 2-deoxiguanosina inibiram o ciclo celular de ovos de ouriço do mar em ambas fases examinadas. Os ácidos graxos metilados de D. psammatodes, o ácido palmíticojunto com ácido esteárico e os derivados do glicerol éter inibiram o ciclo celular de ovos de ouriço do mar durante a primeira divisão. Os ácidos graxos metilados de D. psammatodes apresentaram maior toxicidade nas linhagens tumorais analisadas, sendo que a mistura de ácidos graxos metilados de E. vannamei também mostrou toxicidade em células tumorais leucêmicas. Ambas amostras de ácidos graxos metilados mostraram efeitos antiproliferativos e citotóxicos e estas atividades envolveram a inibição da síntese de DNA e indução de apoptose e necrose
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.10.2006
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCFRP10600008446Takeara, Renata
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TAKEARA, Renata; LOPES, Joao Luis Callegari. Estudo químico e avaliação da atividade citotóxica das ascídias Didemnum psammatodes (Sluiter, 1885) e Eudistoma vannamei Millar, 1977 (Tunicata: Ascidiacea). 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-16012007-161004/ >.
    • APA

      Takeara, R., & Lopes, J. L. C. (2006). Estudo químico e avaliação da atividade citotóxica das ascídias Didemnum psammatodes (Sluiter, 1885) e Eudistoma vannamei Millar, 1977 (Tunicata: Ascidiacea). Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-16012007-161004/
    • NLM

      Takeara R, Lopes JLC. Estudo químico e avaliação da atividade citotóxica das ascídias Didemnum psammatodes (Sluiter, 1885) e Eudistoma vannamei Millar, 1977 (Tunicata: Ascidiacea) [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-16012007-161004/
    • Vancouver

      Takeara R, Lopes JLC. Estudo químico e avaliação da atividade citotóxica das ascídias Didemnum psammatodes (Sluiter, 1885) e Eudistoma vannamei Millar, 1977 (Tunicata: Ascidiacea) [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-16012007-161004/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: