Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Análise experimental e numérica de trincheiras de infiltração em meio não saturado (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LIMA, VALTER CLEBER GUEDES DA ROCHA - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Subjects: DRENAGEM URBANA; INFILTRAÇÃO SUPERFICIAL
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho tem como objetivos avaliar, para eventos de chuvas simuladas, o comportamento hidráulico de uma trincheira de infiltração experimental instalada na EESC/USP e propor uma nova metodologia de dimensionamento para trincheiras de infiltração. Para realizar a avaliação, foram conduzidos ensaios experimentais para determinar o volume infiltrado, sendo este calculado pela diferença entre o volume de entrada, medido através de vertedor triangular, e o volume armazenado na trincheira, medido a partir de medidor de nível. Em relação à nova metodologia de dimensionamento, esta foi proposta com base no modelo de Green-Ampt adaptado ao processo de infiltração horizontal. Os parâmetros de entrada do modelo: umidade, potencial matricial e condutividade hidráulica saturada, foram determinados, respectivamente, através de sondas que utilizam a reflectometria no domínio do tempo (TDR), por curvas de retenção determinadas em laboratório pela técnica do papel filtro e câmara de Richards e por ensaio laboratorial com permeâmetro de carga constante. As curvas de retenção além de serem determinadas por dois métodos laboratoriais também foram avaliadas em função da distribuição uni e bimodal do tamanho médio dos poros. Para isto, utilizou-se a tomografia computadorizada para analisar o comportamento dos poros no solo estudado. O solo onde foi instalada a trincheira constitui-se de areia média a fina argilosa e apresenta a condutividade hidráulica saturada emtorno de 9,06.'10 POT.-6' m/s. A câmara de Richards foi o método de determinação da curva de retenção que melhor caracterizou o solo quanto à sua porosidade. Os resultados demonstraram que a trincheira de infiltração é eficiente, controlando 100% do volume escoado, mesmo para chuvas com intensidades superiores aos projetos de microdrenagem. Verificou-se também que o modelo de Green-Ampt se ajusta bem ao processo de infiltração horizontal e que a metodologia de ) dimensionamento proposta contribui de forma eficiente e economicamente eficaz para o dimensionamento de dispositivos de infiltração
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.05.2009
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100111488TESE 7120
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LIMA, Valter Cleber Guedes da Rocha; MENDIONDO, Eduardo Mario. Análise experimental e numérica de trincheiras de infiltração em meio não saturado. 2009.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-24062009-081439/ >.
    • APA

      Lima, V. C. G. da R., & Mendiondo, E. M. (2009). Análise experimental e numérica de trincheiras de infiltração em meio não saturado. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-24062009-081439/
    • NLM

      Lima VCG da R, Mendiondo EM. Análise experimental e numérica de trincheiras de infiltração em meio não saturado [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-24062009-081439/
    • Vancouver

      Lima VCG da R, Mendiondo EM. Análise experimental e numérica de trincheiras de infiltração em meio não saturado [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-24062009-081439/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: