Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Composição florística e estrutura do componente arbustivo-arbóreo do Parque Natural Municipal da Cratera de Colônia, São Paulo, SP (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MARÇON, SERGIO LUÍS - FFCLRP
  • USP Schools: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 592
  • Subjects: COMUNIDADES VEGETAIS; BOTÂNICA
  • Language: Português
  • Abstract: A conservação da biodiversidade tem sido tema de debates na maioria das reuniões sobre meio ambiente no mundo. Áreas florestais próximas aos centros urbanos têm merecido menor atenção de iniciativas conservacionistas, pois se acredita que estejam em estado irremediável de degradação. Entretanto, se bem estudadas, poderão ser úteis ao apontar modelos para a regeneração, conservação e manejo de sua diversidade. Com características ímpares de solo e vegetação, a Cratera de Colônia constitui uma dessas importantes áreas para investigações científicas. O Parque Natural Municipal da Cratera de Colônia foi criado em 2007 com a expectativa de conservar o local, um fragmento de mata numa matriz predominantemente agrícola e urbana, sob intensa ação antrópica. Neste contexto, os objetivos deste trabalho são: (1) caracterizar a composição florística e a estrutura do componente arbustivo-arbóreo do Parque Natural Municipal da Cratera de Colônia; (2) comparar as parcelas alocadas em locais com diferentes graus de degradação em cada fitofisionomia (Mata de Encosta, Mata de Turfeira e Mata de Brejo) quanto à estrutura e diversidade florística; (3) fornecer dados para auxiliar a elaboração do Plano de Manejo do Parque, dentro das possibilidades de uso permitidas pela legislação. Foram alocadas 30 parcelas de 20x20 m, 10 em cada fitofisionomia, sendo cinco em locais antropizados, amostrando-se os espécimes com PAP ? 10 cm. Foram amostrados 1.643 indivíduos, pertencentes a 133espécies, 88 gêneros e 50 famílias. As famílias com maior riqueza de espécies foram: Myrtaceae (14), Melastomataceae (12), Rubiaceae (11), Asteraceae (10), Solanaceae (8). As espécies com maiores Índices de Valor de Importância foram: Eucalyptus robusta (9,89), Tibouchina mutabilis (6,95), Cyathea atrovirens (6,48), Syagrus romanzoffiana (6,44), Critoniopsis quinqueflora (4,31). A diversidade (Índice de Shannon -H') foi de H' = 3,81 e a equabilidade (J) ) foi de 0,78, valores semelhantes aos de outros fragmentos do Planalto Paulistano. As fitofisionomias são diferentes quanto à composição florística, riqueza de espécies e diversidade; a Mata de Encosta constitui um grupo isolado da Mata de Turfeira e Mata de Brejo. As diferenças encontradas podem ser explicadas por vários fatores, tais como: o histórico de perturbação na área, o tempo de .regeneração, o grau de isolamento com outros fragmentos, as condições pedológicas e outros fatores ambientais (água, declividade, luminosidade). As parcelas antropizadas têm maior diversidade e riqueza, entretanto, a afinidade entre as parcelas é dada pela fitofisionomia que ocupam e não pelo grau de antropização
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.05.2009
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCLRP20800030038Maron, Sergio Luis
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARÇON, Sergio Luis; GODOY, Silvana Aparecida Pires de. Composição florística e estrutura do componente arbustivo-arbóreo do Parque Natural Municipal da Cratera de Colônia, São Paulo, SP. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59139/tde-15062009-220207/ >.
    • APA

      Marçon, S. L., & Godoy, S. A. P. de. (2009). Composição florística e estrutura do componente arbustivo-arbóreo do Parque Natural Municipal da Cratera de Colônia, São Paulo, SP. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59139/tde-15062009-220207/
    • NLM

      Marçon SL, Godoy SAP de. Composição florística e estrutura do componente arbustivo-arbóreo do Parque Natural Municipal da Cratera de Colônia, São Paulo, SP [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59139/tde-15062009-220207/
    • Vancouver

      Marçon SL, Godoy SAP de. Composição florística e estrutura do componente arbustivo-arbóreo do Parque Natural Municipal da Cratera de Colônia, São Paulo, SP [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59139/tde-15062009-220207/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: