Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Comparação das alterações metabólicas e de composição corporal entre homens soro positivos para HIV, com ou sem a síndrome da lipodistrofia, e homens saudáveis (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: VASSIMON, HELENA SIQUEIRA - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: HIV; METABOLISMO (ALTERAÇÃO); COMPOSIÇÃO CORPORAL
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução e Objetivo: Após introdução do tratamento antirretroviral de alta potência (HAART), a infecção pelo vírus da imunodeficiência humana tipo 1 (HIV-1) foi transformada de doença fatal para condição de caráter crônico. Isto resultou em aumento da expectativa de vida, entretanto sendo observado aparecimento de alterações metabólicas (dislipidemia e/ou resistência insulínica) e de composição corporal (perda de gordura subcutânea e/ou acúmulo de gordura visceral em determinadas regiões) denominadas de síndrome da lipodistrofia. O presente estudo teve por objetivo principal avaliar a composição corporal em homens soro positivos para HIV em uso de HAART e com síndrome da lipodistrofia (HIV+LIPO+ = 10), comparando com homens soro positivos para HIV em uso de HAART sem diagnóstico de síndrome da lipodistrofia (HIV+LIPO- = 22) e com homens soro negativos para HIV saudáveis (Controle = 12). Metodologia e Resultados: estudo transversal avaliando composição corporal por impedância bioelétrica (BIA), dobras cutâneas (DC) e absorciometria de duplo fóton (DXA) em três grupos. Os grupos eram semelhantes quanto a idade, índice de massa corporal (IMC) e massa muscular (MM). Todos os indivíduos soro positivos para HIV eram clinicamente estáveis e apresentavam tempo de diagnóstico e uso de HAART similares. Indivíduos do grupo HIV+LIPO+ apresentaram significativamente menor quantidade de gordura subcutânea em perna (1,1 (0,6 kg) do que o grupo HIV+LIPO- (2,1 '+ OU -' 0,8kg) e o grupo Controle (3.0 '+ OU -'1,2 kg). Foram observadas concentrações elevadas de triglicerídeos (376 '+ OU -' 158 mg/dl) e insulina (15,4 '+ OU -'9 µU/ml) e baixas concentrações de lipoproteÍna de alta densidade (32 '+ OU -' 12 mg/dl) no grupo HIV+LIPO+. A porcentagem de massa gorda (MG) estimada por DC não foi correlacionada significativamente com DXA (r = 0,46) e houve fraca concordância (0,35); HIV+LIPO- foi significativamente correlacionada (r = 0,79), entretanto com fraca concordância (0,40), e o grupo Controle foi adequado para ambas as medidas de correlação (r = 0,83) e concordância (0,74). Em relação a BIA, houve correlação positiva e significativa e com forte concordância com DXA para estimar MM e MG, em todos os grupos. Vale ressaltar que os valores foram mais concordantes para MM do que MG. Conclusão: A caracterização da síndrome de lipodistrofia em homens soro positivos para HIV foi comprovada pela presença de alterações metabólicas como resistência insulínica e dislipidemia e alterações corporais, especificamente a lipoatrofia. A comparação entre os métodos para avaliação de composição corporal reforçou a importância do uso da BIA como método de baixo custo e prático para estimar MM e MG, porém no caso da estimativa por DC ainda será necessário elaboração de equações para este grupo específico. O presente estudo destaca a importância da atenção nutricional em homens soro positivos para HIV com síndrome dalipodistrofia
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.05.2009

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200037366Vassimon, Helena Siqueira
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VASSIMON, Helena Siqueira; JORDÃO JUNIOR, Alceu Afonso. Comparação das alterações metabólicas e de composição corporal entre homens soro positivos para HIV, com ou sem a síndrome da lipodistrofia, e homens saudáveis. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009.
    • APA

      Vassimon, H. S., & Jordão Junior, A. A. (2009). Comparação das alterações metabólicas e de composição corporal entre homens soro positivos para HIV, com ou sem a síndrome da lipodistrofia, e homens saudáveis. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Vassimon HS, Jordão Junior AA. Comparação das alterações metabólicas e de composição corporal entre homens soro positivos para HIV, com ou sem a síndrome da lipodistrofia, e homens saudáveis. 2009 ;
    • Vancouver

      Vassimon HS, Jordão Junior AA. Comparação das alterações metabólicas e de composição corporal entre homens soro positivos para HIV, com ou sem a síndrome da lipodistrofia, e homens saudáveis. 2009 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: