Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Controle barorreflexo da função autonômica na hipertensão arterial induzida por L-NAME (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SANTOS, FERNANDA MACHADO DOS - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: ÓXIDO NÍTRICO; HIPERTENSÃO; FISIOLOGIA CARDIOVASCULAR
  • Language: Português
  • Abstract: FUNDAMENTAÇÃO: Está bem estabelecido que o óxido nítrico (NO) modula a regulação neural cardiocirculatória. Todavia, o papel do NO na modulação autonômica no início e no desenvolvimento da hipertensão arterial induzida pelo bloqueio da NO sintase (NOS) com N-nitro-L-arginina metil éster (L-NAME) requer melhor documentação. OBJETIVO: Estudo da função autonômica em ratos acordados com hipertensão arterial induzida pela administração de L-NAME durante 2 e 14 dias. MÉTODOS: Foi administrado L-NAME (70 mg kg/p.o) durante 2 ou 14 dias. Foram utilizados os seguintes protocolos experimentais: 1) Caracterização hemodinâmica, estudo da variabilidade da PA e da FC, no domínio do tempo e da freqüência, e dosagem de noradrenalina renal; 2) Registro da atividade do nervo simpático renal (ANSR) e estudo do barorreflexo. Os registros dos parâmetros hemodinâmicos foram realizados com os animais acordados, previamente canulados na artéria e veia femorais, e implantado com eletrodo para registro da ANSR quando exigido pelo protocolo experimental. RESULTADOS: Os ratos normotensos (n=21) apresentaram PAM e FC, respectivamente, de 111 '+ OU -' 3 mmHg e 384 '+ OU -' 7 bpm. Os ratos hipertensos L-NAME 2 dias (n=14) apresentaram valores de 139 '+ OU -' 2 mmHg e 391 '+ OU -' 16 bpm, enquanto os hipertensos L-NAME 14 dias (n=9) apresentaram valores de 147 '+ OU -' 4 mmHg e 376 '+ OU -' 14 bpm. O balanço simpato-vagal para o coração não foi diferente entre os grupos estudados, porémhouve um aumento da variabilidade, no domínio do tempo (variância), da pressão arterial sistólica (PAS) no grupo hipertenso L-NAME 14 dias (28 '+ OU -' 5 mmHg2 'mmHg POT. 2'), em comparação ao grupo hipertenso L-NAME 2 dias (22 '+ OU -' 2 mmHg2 'mmHg POT. 2') e ao normotenso (16 '+ OU -' 2 mmHg2 'mmHg POT. 2') .O conteúdo de noradrenalina renal não foi diferente entre os grupos hipertensos L-NAME 2 e 14 dias e o grupo normotenso (106 '+ OU -' 12 ng/g, 110 '+ OU -' 10 ng/g versus 125 '+ OU -' 9 ng/g). Observou-se adaptação do barorreflexo (deslocamento da curva PAM vs ANSR à direita) no controle da ANSR nos grupos hipertensos L-NAME 2 e 14 dias, com diminuição da sensibilidade somente no grupo hipertenso L-NAME 14 dias (-1.9 mmHg2/Hz 'mmHg POT. 2'), em comparação ao grupo hipertenso L-NAME 2 dias (-2.8 mmHg2/Hz 'mmHg POT. 2') e ao grupo normotenso (-3.3 mmHg2/Hz 'mmHg POT. 2'). A ANSR (em % da atividade máxima) não diferiu entre os grupos hipertensos L-NAME 2 dias (40 '+ OU -' 4 %) e 14 dias (40 '+OU -' 5% ), e o grupo normotenso (43 '+ OU -' 5%). CONCLUSÃO: OS resultados obtidos em ratos acordados indicam que a hipertensão arterial induzida por L-NAME durante 2 e 14 dias não apresenta hiperatividade simpática, está associada à adaptação do barorreflexo aos níveis de hipertensão com diminuição da sua sensibilidade. Além disso, a hipertensão L-NAME mantém íntegra a modulação simpato-vagal cardíaca, porém apresenta um aumento da variabilidade daPAS 14 dias após o tratamento
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.05.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTOS, Fernanda Machado dos; SALGADO, Helio Cesar. Controle barorreflexo da função autonômica na hipertensão arterial induzida por L-NAME. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009.
    • APA

      Santos, F. M. dos, & Salgado, H. C. (2009). Controle barorreflexo da função autonômica na hipertensão arterial induzida por L-NAME. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Santos FM dos, Salgado HC. Controle barorreflexo da função autonômica na hipertensão arterial induzida por L-NAME. 2009 ;
    • Vancouver

      Santos FM dos, Salgado HC. Controle barorreflexo da função autonômica na hipertensão arterial induzida por L-NAME. 2009 ;