Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Carcinogênese de cólon e sua relação com a melatonina em ratos submetidos a conduções de luz constante (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CARDOSO, VINICIUS KANNEN - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPA
  • Subjects: NEOPLASIAS DO COLON; MELATONINA; PATOLOGIA (EXPERIMENTAÇÃO)
  • Language: Português
  • Abstract: Animais sob iluminação de 2.500 lux não apresentam uma significativa redução nos níveis de melatonina, e tem demonstrado significativo aumento nos padrões de carcinogenese colônica. Objetivo: avaliar os padrões carcinogênicos no colon de animais submetidos a condições de luz constante e sob tratamento com melatonina exógena. Materiais e Métodos: os animais foram divididos randomicamente, pemanecendo sob luz de 3000lux, recebendo 10mg/kg/dia de melatonina exógena e única dose de DMH à 125 mg/kg ambas por via intraperitoneal. E sacrificados por decaptação no 14° dias pós-carcinógeno, sendo a melatonina determinada por radioimunoensaio no soro, com análise no cólon em HE de FCAS (focos de criptas aberrantes) e iAEC (índice Apoptótico do Epitélio Colônico). Por imunohistoquímica foram analisados da iPCNA (índice de proliferação), iCOX-2 (ciclooxigenase-2) e iCPC (Caspase-3). Resultados e Discussão: o grupo sob luz constante apresentou maior nível de melatonina que o controle geral, com um significativo aumento de criptas hiperplásicas e displásicas nos animais sob luz e DMH (p<0,001). Os animais tratados e com DMH apresentaram significativa redução nos níveis de FCAS, aumento em iPCNA e iCPC, com redução em iCOX-2 comparado ao grupo luz e DMH (p<0,001). Esta maior pré-disposição carcinogênica, decorre do maior potencial carcinogênico das criptas displásicas nos animais sob luz constante, confirmando ser a proliferação do epitélio intestinal dependente do ritmo luminoso dodia e da interação entre o relógio circadiano endógeno e vias de controle do ciclo celular. Conclusão: o ambiente de luz constante se apresentou como um agente indutor dos padrões carcinogênicos estudados. Sendo a aplicação de melatonina eficaz para estas alterações
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.06.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CARDOSO, Vinicius Kannen; GARCIA, Sérgio Brito. Carcinogênese de cólon e sua relação com a melatonina em ratos submetidos a conduções de luz constante. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009.
    • APA

      Cardoso, V. K., & Garcia, S. B. (2009). Carcinogênese de cólon e sua relação com a melatonina em ratos submetidos a conduções de luz constante. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Cardoso VK, Garcia SB. Carcinogênese de cólon e sua relação com a melatonina em ratos submetidos a conduções de luz constante. 2009 ;
    • Vancouver

      Cardoso VK, Garcia SB. Carcinogênese de cólon e sua relação com a melatonina em ratos submetidos a conduções de luz constante. 2009 ;