Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Percepções, crenças e práticas de pais e educadores acerca do sobrepeso e obesidade em pré-escolares (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: REZENDE, MAGDA ANDRADE - EE
  • USP Schools: EE
  • Subjects: OBESIDADE; CRIANÇAS EM IDADE PRÉ-ESCOLAR; ALIMENTAÇÃO INFANTIL; CRECHES
  • Language: Português
  • Abstract: Situação problema e justificativa: A obesidade em crianças vem se tornando um sério problema de saúde nos últimos anos, visto que está associada com um alto índice de mortes prematuras, além de outras conseqüências para a saúde como doenças cardiovasculares, respiratórias e endócrinas, bem como baixa auto-estima. Porém, a obesidade não deve ser vista apenas como um fenômeno orgânico, mas como uma questão que envolve determinantes fisiológicos, econômicos, ambientais, sociais e culturais, devendo-se, portanto, levar em conta a realidade dos sujeitos e o ambiente no qual estes estão inseridos, assim como seu sistema de valores, suas atitudes e motivações. No que diz respeito às fases do desenvolvimento infantil, que também influenciam sobremaneira a alimentação da criança, a literatura nos mostra que a fase pré-escolar é o mais importante período da infância em que devem ser focados os programas educativos com vistas à prevenção do sobrepeso e obesidade infantis, sendo que os hábitos alimentares adquiridos nesta fase tendem a se estabelecer na fase adulta. Assim, pretendemos com este estudo conhecer o que os educadores e pais de crianças pré-escolares pensam sobre o tema sobrepeso e obesidade infantil, suas percepções, crenças e atitudes, a fim de desenvolver, um plano de ação condizente com as necessidades da população estudada. Objetivos: Identificar comportamentos, crenças e sugestões de pais e educadores de pré-escolares quanto à manutenção de pesocorporal saudável, bem como quanto à prevenção do sobrepeso e obesidade infantis. Conhecer comportamentos, crenças, hábitos e práticas de pais e educadores de pré-escolas que podem influenciar as crianças quanto ao risco de sobrepeso e obesidade. Metodologia: Trata-se de pesquisa qualitativa, com entrevistas semi-estruturadas onde foram utilizadas as técnicas da Comunicação Centrada na Pessoa. Para a análise dos dados, serão utilizados os métodos da Análise Temática de Conteúdo, proposto por Bardin. A população deste estudo compreendeu educadores e pais de pré-escolares matriculados em duas Instituições de Educação Infantil localizadas no município de São Bernardo do Campo - SP, que foram também caracterizados quanto a: idade; escolaridade e profissão, além da classe econômica por renda familiar, segundo o Critério de Classificação Econômica Brasil (CCEB), da Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa (ABEP). Cuidados Eticos: Esta pesquisa esta sendo realizada de acordo com a Resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde, sendo já aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo nº parecer 743/2008/CEP- EEUSP
  • Imprenta:
  • ISBN: 19813848
  • Conference titles: Seminário de Pesquisa "Cuidado à Saúde Infantil"

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EE1772140-10REZENDE, M. A. doc 38
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARINS, Silvia Sanches; REZENDE, Magda Andrade. Percepções, crenças e práticas de pais e educadores acerca do sobrepeso e obesidade em pré-escolares. Anais.. São Paulo: [s.n.], 2009.
    • APA

      Marins, S. S., & Rezende, M. A. (2009). Percepções, crenças e práticas de pais e educadores acerca do sobrepeso e obesidade em pré-escolares. In . São Paulo.
    • NLM

      Marins SS, Rezende MA. Percepções, crenças e práticas de pais e educadores acerca do sobrepeso e obesidade em pré-escolares. 2009 ;
    • Vancouver

      Marins SS, Rezende MA. Percepções, crenças e práticas de pais e educadores acerca do sobrepeso e obesidade em pré-escolares. 2009 ;