Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação e mensuração da dor crônica isquêmica e da qualidade de vida (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PEDROSA, DéBORA FERNANDA AMARAL - EERP
  • USP Schools: EERP
  • Subjects: DOR (AVALIAÇÃO); MÉTODOS DE APLICAÇÃO DE TESTES; PSICOFÍSICA; QUALIDADE DE VIDA
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo geral desse estudo foi avaliar a dor crônica isquêmica percebida e a qualidade de vida do cliente relacionada a essa dor. Os objetivos específicos foram: descrever o perfil sócio-demográfico e econômico dos clientes com dor crônica isquêmica, mensurar a intensidade da dor crônica isquêmica percebida, identificar os descritores de maior e menor atribuição para a dor crônica isquêmica, escalonar os principais descritores de dor crônica isquêmica e avaliar a qualidade de vida dos clientes que queixam de dor crônica isquêmica. Para tal, foram realizados 4 Experimentos, nos quais utilizamos métodos psicofísicos diferentes. Cem clientes portadores de Doença Arterial Obstrutiva Periférica destes participaram dos Experimentos 1, 2 e 4 e trinta do Experimento 3. Os resultados para análise descritiva foram: média de idade de 64,83 ± 12,14 anos, 67 pertencem ao gênero masculino, 54 casados, 63 aposentados, 79 católicos, 58 frequentaram o ensino fundamental incompleto, sendo que 89 queixavam-se de dor há mais de seis meses. A maioria dos participantes atribuiu o valor 10 para a intensidade da dor, sendo média aritmética de 5,59 ± 3,16 pontos. Os cinco descritores de maior atribuição (estimação de categorias) que caracterizam a dor crônica foram: desagradável, perturbadora, forte, preocupante e cansativa e os de menor atribuição foram: punitiva, deprimente, persistente, angustiante e desastrosa. Os descritores de maior atribuição (estimação de magnitude) foram: terrível,dolorosa, incômoda, preocupante e cansativa e os de menor atribuição foram: enjoada, forte perturbadora, chata e desagradável. Os domínios da qualidade de vida mais afetados foram: o domínio físico, seguido pelos domínios ambiental, psicológico e social. Existe correlação entre todos os domínios de QV e a qualidade de vida global do instrumento WHOQOL-bref e entre todos os domínios de QV e de dor crônica
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 31.08.2009
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EE10200014526T3735
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEDROSA, Débora Fernanda Amaral; SOUSA, Fatima Aparecida Emm Faleiros. Avaliação e mensuração da dor crônica isquêmica e da qualidade de vida. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-07102009-145620/ >.
    • APA

      Pedrosa, D. F. A., & Sousa, F. A. E. F. (2009). Avaliação e mensuração da dor crônica isquêmica e da qualidade de vida. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-07102009-145620/
    • NLM

      Pedrosa DFA, Sousa FAEF. Avaliação e mensuração da dor crônica isquêmica e da qualidade de vida [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-07102009-145620/
    • Vancouver

      Pedrosa DFA, Sousa FAEF. Avaliação e mensuração da dor crônica isquêmica e da qualidade de vida [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-07102009-145620/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: