Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Células B são importantes na geração de memória em modelo de vacinação com DNA-Hsp65 (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FONTOURA, ISABELA CARDOSO - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RBI
  • Subjects: VACINAS; DNA; FATORES IMUNOLÓGICOS
  • Language: Português
  • Abstract: O campo da vacinologia gênica abriu perspectivas de desenvolvimento de vacinas e terapias contra diferentes patógenos. Um exemplo disso é a vacina DNA-Hsp65 que se mostrou protetora contra a tuberculose experimental. Embora vários aspectos desse novo tipo de vacina tenham sido estudados, o desenvolvimento de células de memória é muito pouco explorado. O conhecimento dos mecanismos envolvidos para gerar memória nesse tipo de estratégia pode favorecer a escolha de vetores e de booster para atingir a proteção necessária. Nesse trabalho foi avaliado o papel de células B na modulação da resposta de células T e indução de memória, após a imunização com antígeno protéico e de DNA (pcDNA3-Hsp65). Os resultados mostraram que as células B foram importantes na geração de células T 'CD4 POT. +'/'CD44 POT. high'/'CD62L POT. low' (memória efetora), em todos os períodos de tempo analisados para ambos os grupos de imunização, e, na geração de células T 'CD8 POT. +' 'CD44 POT. high'/'CD62L POT. low'/'CD127 POT. +', aos 15 e 30 dias após as imunizações, mas não para 'TCD8 POT. +'/'CD44 POT. high'/'CD62L POT. low'. Além disso, estas células foram mais importantes para produção de citocinas inflamatórias aos 15 dias após imunização, ou seja, nos estágios mais iniciais da resposta imune. Também foi detectada por PCR em tempo real, a expressão de IL-10 por células B no baço dos animais. Estas células foram melhor caracterizadas por citometria de fluxo. Interessantemente, a populaçãode células B que mais produziu IL-I0 apresentou um fenótipo 'CD19 POT. +'/'CD5 POT. +'/'CD43 POT. -'. Enquanto a população 'CD19 POT. +'/'CD5 POT. -'/'CD43 POT. -' mostrou pouca produção de IL-10. Esses dados sugerem que essa subpopulação seja importante no esquema de vacinação para geração de células de memória. Além disso, as células B purificadas expressaram o fator de transcrição Foxp3 que é característico de células T reguladoras. Essa é a primeira detecção de Foxp3 em células B, mas novos ensaios devem ser conduzidos para caracterizar essa subpopulação. No entanto, os dados apresentados nos permitem sugerir que diferentes subpopulações de células B possam contribuir para o desenvolvimento de células T de memória, e que seus efeitos devem ser considerados em modelos de vacinação
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.08.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FONTOURA, Isabela Cardoso; COELHO-CASTELO, Arlete Aparecida Martins. Células B são importantes na geração de memória em modelo de vacinação com DNA-Hsp65. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009.
    • APA

      Fontoura, I. C., & Coelho-Castelo, A. A. M. (2009). Células B são importantes na geração de memória em modelo de vacinação com DNA-Hsp65. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Fontoura IC, Coelho-Castelo AAM. Células B são importantes na geração de memória em modelo de vacinação com DNA-Hsp65. 2009 ;
    • Vancouver

      Fontoura IC, Coelho-Castelo AAM. Células B são importantes na geração de memória em modelo de vacinação com DNA-Hsp65. 2009 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019