Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Hábitos alimentares de idosos hipercolesterolêmicos, atendidos em ambulatório da cidade de São Paulo (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CANTARIA, JULIANA DOS SANTOS - FSP
  • USP Schools: FSP
  • Subjects: HÁBITOS ALIMENTARES; IDOSOS; HIPERCOLESTEROLEMIA; INQUÉRITOS SOBRE DIETAS; DIETA (QUALIDADE;FREQUÊNCIA)
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: Hábitos alimentares (HAs) inadequados têm importante relação com hipercolesterolemia, que constitui fator de risco para doenças cardiovasculares. Objetivo: Analisar HAs de idosos hipercolesterolêmicos, atendidos em ambulatório da cidade de São Paulo. Métodos: Participaram do estudo idosos ( 60 anos), de ambos os sexos, voluntários, com prontuários ativos no Centro de Referência do Idoso José Ermírio de Moraes (CRIJEM), com diagnóstico de hipercolesterolemia ou prescrição de medicamento hipolipemiante. O método de inquérito utilizado foi história alimentar. As variáveis de estudo foram: número de refeições diárias, ingestão habitual de alimentos, incluindo água e bebidas alcoólicas, necessidade de ajuda para se alimentar, companhia às refeições e local (fora e dentro da residência) das mesmas. O critério adotado, para considerar hábito alimentar do grupo, foi a frequência de ingestão 50 por cento . Resultados: Foram analisados os HAs de 106 idosos, com idade entre 60 e 84a (média de 69,3 anos - DP=5,9), 86 por cento do sexo feminino, 58 por cento moravam com familiares, e 93 por cento apresentaram prescrição de medicamento hipolipemiante. O número médio de refeições diárias foi 5,0 (DP=1,2), um terço dos idosos referiu ingestão diária 6 a 8 copos de água, e a maioria (78 por cento ) negou ingestão de bebidas alcoólicas. Quanto às respostas com múltiplas alternativas, 71 por cento das citações mostraram não haver necessidade de ajuda, 89 porcento indicaram realizar as refeições na própria residência, e cerca da metade (49 por cento ) informaram não ter companhia. Foram considerados como HAs os seguintes alimentos e preparações: café, leite, pão francês, arroz, feijão, carne bovina e de frango, alface crua, banana, óleos de oliva e de soja. Conclusões: Nesse grupo, constatou-se pequena variedade de alimentos, especialmente em relação a hortaliças e ) frutas, e ausência de hábito alimentar para ingestão de água
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.09.2009
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FSP11800048508Mtr 1690
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CANTARIA, Juliana dos Santos; MARUCCI, Maria de Fatima Nunes. Hábitos alimentares de idosos hipercolesterolêmicos, atendidos em ambulatório da cidade de São Paulo. 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-28092009-154922/ >.
    • APA

      Cantaria, J. dos S., & Marucci, M. de F. N. (2009). Hábitos alimentares de idosos hipercolesterolêmicos, atendidos em ambulatório da cidade de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-28092009-154922/
    • NLM

      Cantaria J dos S, Marucci M de FN. Hábitos alimentares de idosos hipercolesterolêmicos, atendidos em ambulatório da cidade de São Paulo [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-28092009-154922/
    • Vancouver

      Cantaria J dos S, Marucci M de FN. Hábitos alimentares de idosos hipercolesterolêmicos, atendidos em ambulatório da cidade de São Paulo [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6138/tde-28092009-154922/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: