Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação da conformidade de práticas de controle e prevenção da pneumonia associada à ventilação mecânica em um hospital público de ensino (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MENEZES, ISA RODRIGUES DA SILVEIRA CABRAL DE - EE
  • USP Schools: EE
  • Sigla do Departamento: ENC
  • Subjects: PNEUMONIA (PREVENÇÃO E CONTROLE); RESPIRAÇÃO ARTIFICIAL; INFECÇÃO HOSPITALAR (PREVENÇÃO E CONTROLE); INDICADORES DE QUALIDADE
  • Language: Português
  • Abstract: Há praticamente consenso de que o processo de trabalho de controle e prevenção de infecção associada a serviços de saúde (IASS) atualmente hegemônico, pautado em indicadores de resultados, ou seja, eventos de IASS, são limitados para reconhecer as condições reais em que as práticas assistenciais são realizadas. Para tanto, avaliações processuais vêm sendo demandadas, para conhecer o grau de conformidade dessas ocorrências com as recomendações dadas por evidências científicas atualmente disponíveis. Este estudo teve a finalidade de avaliar a conformidade de práticas de controle e prevenção de pneumonia associada à ventilação mecânica (PAVM), por meio de indicadores clínicos processuais especificamente elaborados. Tais práticas corresponderam a: a) Avaliação da adesão às medidas específicas de prevenção e controle de PAVM: manutenção da cabeceira elevada a 30-45o; atendimento diário de fisioterapia respiratória; utilização de soluções estéreis para nebulizadores e inaladores; material de terapia respiratória em uso respeitando a rotina de troca estabelecida; b) Avaliação da adesão à realização de higiene bucal; c) Avaliação da adesão á higiene das mãos em procedimentos de aspiração orotraqueal, troca de cadarço da cânula orotraqueal e higiene bucal. Tratou-se de uma pesquisa aplicada envolvendo achados sobre o desempenho de práticas e procedimentos, buscando acessar sua qualidade, com delineamentos prospectivo, transversal e analítico. O cenárioconstituiu da UTI-Adulto de um Hospital Público de Ensino. A casuística correspondeu às oportunidades de avaliação das práticas selecionadas, realizadas por enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem e fisioterapeutas, nos três turnos de trabalho, em pacientes com intubação orotraqueal. A amostra baseou-se na conformidade esperada de 80%, acarretando 1748 avaliações distribuídas entre as práticas selecionadas, realizadas ) por meio de observação direta e registros em prontuários. Instrumentos e avaliadores foram submetidos à testes de aferição de concordância. O índice de conformidade geral obtido na adesão às medidas específicas de controle e prevenção de PAVM foi 68,0%, sendo que o turno da tarde apresentou o maior índice (72,4%) e o da manhã, o menor (63,2%). O índice de conformidade geral da prática de higiene bucal foi 60,1%, sendo que o turno da manhã apresentou o melhor índice (72,4%) e noturno, o menor (47,4%). Dentre as modalidades prescritas, a que apresentou maior conformidade foi a aplicação apenas de CHX 0,12%, em todos os turnos, mas somente o da manhã atingiu a conformidade mínima esperada (90%-manhã; 73,7%-noite; 72,9%-tarde). A modalidade menos acatada foi a escovação de dentes e aplicação de CHX 0,12%, em todos os turnos de trabalho (3,6%-noite; 28,6%-tarde; 33,3%-manhã). A conformidade geral da prática de higiene das mãos na realização dos procedimentos selecionados foi apenas 10,7%, sendo que a aspiração orotraqueal obteve maiorconformidade (18,9%), seguindo-se troca de cadarço (7,9%) e higiene bucal (5,3%). O turno da manhã obteve maior adesão (16,7%) e o noturno a menor (3,1%). Nesta prática, o maior índice de conformidade foi obtido entre os fisioterapeutas (25,8%), seguindose os enfermeiros (15,6%) e, por último, auxiliares e técnicos (4,4%). Concluiu-se que embora as práticas avaliadas não tenham alcançado a conformidade geral esperada de 80% em nenhuma das avaliações, os resultados obtidos permitem inferir que as realidades observadas justificam a revisão de normas e rotinas instituídas, bem como a elaboração de estratégias que assegurem a adesão duradoura das práticas de controle e prevenção de PAVM, associado à análise contínua de infra-estrutura e condições de trabalho. Tornou-se evidente, também, a relevância de avaliações processuais constituírem ) atividades rotineiras de programas de controle e prevenção de IASS
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.12.2009
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MENEZES, Isa Rodrigues da Silveira Cabral de; LACERDA, Rúbia Aparecida. Avaliação da conformidade de práticas de controle e prevenção da pneumonia associada à ventilação mecânica em um hospital público de ensino. 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-22012010-144402/ >.
    • APA

      Menezes, I. R. da S. C. de, & Lacerda, R. A. (2009). Avaliação da conformidade de práticas de controle e prevenção da pneumonia associada à ventilação mecânica em um hospital público de ensino. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-22012010-144402/
    • NLM

      Menezes IR da SC de, Lacerda RA. Avaliação da conformidade de práticas de controle e prevenção da pneumonia associada à ventilação mecânica em um hospital público de ensino [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-22012010-144402/
    • Vancouver

      Menezes IR da SC de, Lacerda RA. Avaliação da conformidade de práticas de controle e prevenção da pneumonia associada à ventilação mecânica em um hospital público de ensino [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-22012010-144402/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019