Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Tomografia de impulso para estimativa da densidade da madeira (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PEREIRA, LUCIANA CAVALCANTE - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Subjects: DENSIDADE DA MADEIRA; MADEIRA (PROPRIEDADES MECÂNICAS); TOMOGRAFIA
  • Language: Português
  • Abstract: Há diversas técnicas que utilizam a passagem de ondas através da madeira para obtenção de informações. Dentre elas destaca-se a tomografia de árvores que reconstrói seções transversais de tronco e galhos. A tomografia de impulso, por sua vez, se baseia na cronometragem da viajem de ondas mecânicas sonoras entre sensores anexados em uma seção transversal da árvore, para cálculo da velocidade da onda e construção da imagem tomográfica. Sabe-se que a velocidade de passagem das ondas mecânicas é determinada pelas propriedades físico-mecânicas da madeira. Em especial: o módulo de elasticidade, a densidade e a umidade. Até o momento, há diversos estudos sobre a correlação entre a velocidade de onda (principalmente ultrassom) e o módulo de elasticidade. Os estudos apresentados a seguir se destacam por avaliar a correlação entre a velocidade de onda mecânica, obtida por tomografia de impulso, e a densidade da madeira, com vistas em utilizá-la como ferramenta na estimativa da densidade. Os diversos métodos consagrados para a determinação da densidade se caracterizam por utilizar amostras de madeira, que em muitos casos são de difícil obtenção. Além de serem executados procedimentos laboratoriais que podem levam até semanas. Dessa forma, no capítulo 2, Conceitos físicos envolvidos na técnica de tomografia de impulso e a relação com a densidade aparente, são feitas algumas considerações sobre os conceitos físicos que explicam o comportamento de ondas mecânicas e apresentada a correlação encontrada entre velocidade de onda mecânica e densidade aparente, a 12% de umidade da madeira, para três espécies de árvores de diferentes densidades (Schizolobium parahyba (Vell.) Blake - Guapuruvu, Eucalyptus saligna Sm. - Eucalipto, Caesalpinia echinata Lam. Pau-Brasil).Os resultados foram bastante satisfatórios, visto que o coeficiente de determinação - R2 da equação geral velocidade de onda mecânica a 12% = 514,89 * densidade aparente a 12% + 312,49 foi igual a 0,9284, altamente significativo pelo teste F a 1%. No capítulo 3, Tomografia de impulso para estimativa da densidade básica da madeira em árvores vivas, são apresentados modelos estatísticos para estimativa da densidade básica da madeira em árvores vivas, por meio da velocidade de onda mecânica. Foram coletados dados a partir de árvores de 10 espécies nativas. As medidas de acurácia (coeficiente de determinação R2, erro médio percentual EMP, e erro aleatório i) permitem afirmar que os modelos são úteis
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.02.2010
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500055819t674.132 P436t e.2 96171
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROLLO, Luciana Cavalcante Pereira; COUTO, Hilton Thadeu Zarate do. Tomografia de impulso para estimativa da densidade da madeira. 2010.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-16032010-170802/ >.
    • APA

      Rollo, L. C. P., & Couto, H. T. Z. do. (2010). Tomografia de impulso para estimativa da densidade da madeira. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-16032010-170802/
    • NLM

      Rollo LCP, Couto HTZ do. Tomografia de impulso para estimativa da densidade da madeira [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-16032010-170802/
    • Vancouver

      Rollo LCP, Couto HTZ do. Tomografia de impulso para estimativa da densidade da madeira [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-16032010-170802/