Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

A política como profissão: uma análise da circulação parlamentar na Câmara dos Deputados (1946-2007) (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OLIVEIRA, MAYLA DI MARTINO FERREIRA - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLP
  • Subjects: CÂMARA DOS DEPUTADOS; PROFISSÕES; COMPORTAMENTO ELEITORAL
  • Language: Português
  • Abstract: No começo do século XX, Max Weber não incluiu os parlamentares entre os políticos profissionais. Entretanto, passados cinquenta anos da famosa teorização, eles haviam se tornado predominantes nos Parlamentos das nações economicamente desenvolvidas, tanto no presidencialismo como no parlamentarismo. Trata-se de uma mudança que os estudos comparativos atribuem, por um lado, à ampliação das franquias democráticas e da inclusão social e, por outro, à tentativa dos parlamentares de restringir o acesso à instituição e garantir o controle sobre a carreira política. Por meio desta pesquisa, propôs-se analisar a circulação parlamentar na Câmara dos Deputados, desde 1946, quando o Brasil fez sua estreia no grupo das democracias de massa, a fim de verificar se o paradigma da profissionalização legislativa pode ser útil na compreensão do comportamento na Câmara Federal. Pela ampliação dos indicadores tradicionalmente usados na literatura, bem como da análise individual da trajetória política prévia ao ingresso na carreira parlamentar e das entradas e saídas dos deputados pela Câmara dos Deputados, foi possível confirmar a hipótese relativa à prevalência dos políticos profissionais na Câmara dos Deputados. Ademais, os modelos estatísticos revelaram que um dos traços mais marcantes da Câmara dos Deputados - a descontinuidade das carreiras legislativas devido à procura por cargos no Executivo - é característica persistente do sistema político brasileiro, sob regimes democráticos(1946-1964; pós-1988). Por meio da análise comparativa com a França o fenômeno do cumul de mandats- tornou possível entender que a procura por cargos no Executivo, da parte dos deputados federais, insere-se na lógica na profissionalização: o objetivo é assegurar a continuidade da carreira legislativa ou a progressão na carreira política
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.07.2009
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Mayla Di Martino Ferreira; LIMONGI, Fernando de Magalhães Papaterra. A política como profissão: uma análise da circulação parlamentar na Câmara dos Deputados (1946-2007). 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8131/tde-02122009-091931/ >.
    • APA

      Oliveira, M. D. M. F., & Limongi, F. de M. P. (2009). A política como profissão: uma análise da circulação parlamentar na Câmara dos Deputados (1946-2007). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8131/tde-02122009-091931/
    • NLM

      Oliveira MDMF, Limongi F de MP. A política como profissão: uma análise da circulação parlamentar na Câmara dos Deputados (1946-2007) [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8131/tde-02122009-091931/
    • Vancouver

      Oliveira MDMF, Limongi F de MP. A política como profissão: uma análise da circulação parlamentar na Câmara dos Deputados (1946-2007) [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8131/tde-02122009-091931/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019