Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Papel do antidepressivo amitriptilina sobre a resposta inflamatória aguda em ratos (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: VISMARI, LUCIANA - IP
  • USP Schools: IP
  • Subjects: ANTIDEPRESSIVOS; INFLAMAÇÃO; MOLÉCULAS DE ADESÃO CELULAR; NEUROIMUNOMODULAÇÃO; CITOCINAS; MICROSCOPIA; ÓXIDO NÍTRICO
  • Language: Português
  • Abstract: Diversos estudos têm sugerido uma ação anti-inflamatória para o antidepressivo amitriptilina; a presente investigação pretende analisar os mecanismos envolvidos com esta resposta. Mais especificamente, o objetivo do presente estudo é avaliar os efeitos da amitriptilina sobre a resposta inflamatória induzida pela carragenina em ratos e investigar os prováveis mecanismos relacionados a estes efeitos. Num primeiro momento, utilizando-se o modelo do edema de pata induzido pela carragenina, avaliamos o efeito anti-inflamatório da amitriptilina após administração em diferentes doses e intervalos de tempo, isto é, de forma aguda ou em múltiplas doses, por diferentes vias de administração. Verificamos que o tratamento com amitriptilina 10mg/kg, administrada a cada tempo de meia-vida de eliminação, produziu redução significante do edema de pata nos diversos tempos avaliados. Não houve reversão deste efeito anti-inflamatório quando os animais foram pré-tratados com um antagonista de receptores de glicocorticoides (RU-486); houve potencialização do efeito anti-inflamatório pelo pré-tratamento com antagonista de receptores alfa-1-adrenérgicos (prazosina). A administração de amitriptilina juntamente com um inibidor inespecífico de síntese de óxido nítrico (L-NAME) levou a uma potencialização do efeito anti-inflamatório avaliado pelo modelo do edema de pata; produziu, ainda, uma redução significante na concentração de leucócitos e no número total de leucócitos do exsudatoperitoneal induzido por carragenina e uma redução significante do total de nitratos circulantes, quando comparados aos animais do grupo controle. Este efeito anti-inflamatório avaliado pelo edema de pata não foi revertido pela administração de um precursor da síntese de NO. O tratamento com amitriptilina ou L-NAME isoladamente ou em conjunto não produziu alterações significantes na expressão das moléculas de ) adesão ICAM-1, PECAM-1, L-selectina e MAC-1 por leucócitos do sangue periférico. Quando avaliamos o comportamento dos leucócitos por microscopia intravital, observamos que a amitriptilina produziu uma redução significante no rolamento, adesão e transmigração de leucócitos avaliados em condição inflamatória. A administração de amitriptilina isoladamente ou em conjunto com L-NAME também mostrou produzir redução significante nos níveis de IL-1beta e TNF-alfa no soro de ratos. Podemos assim concluir que a amitriptilina apresentou um efeito anti-inflamatório na maioria dos modelos avaliados. Os mecanismos parecem envolver a participação dos receptores alfa-1-adrenérgicos, a inibição da NOS - com consequente redução na síntese de NO e das ações próinflamatórias a ele associadas - e a diminuição nos níveis das citocinas IL-1beta e TNF-alfa. Considerando-se a teoria que implica a depressão como um fenômeno inflamatório, a compreensão dos mecanismos envolvidos no efeito anti-inflamatório da amitriptilina poderia contribuir nas investigações envolvendo esta teoria
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.03.2010
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IP12300032145T RM332 V832p e.1
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VISMARI, Luciana; PALERMO NETO, João. Papel do antidepressivo amitriptilina sobre a resposta inflamatória aguda em ratos. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-16042010-155901/ >.
    • APA

      Vismari, L., & Palermo Neto, J. (2010). Papel do antidepressivo amitriptilina sobre a resposta inflamatória aguda em ratos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-16042010-155901/
    • NLM

      Vismari L, Palermo Neto J. Papel do antidepressivo amitriptilina sobre a resposta inflamatória aguda em ratos [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-16042010-155901/
    • Vancouver

      Vismari L, Palermo Neto J. Papel do antidepressivo amitriptilina sobre a resposta inflamatória aguda em ratos [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47135/tde-16042010-155901/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: