Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Onicomicose por Trichophyton rubrum: avaliação biológica comparativa entre células fúngicas obtidas diretamente de pacientes e isoladas de culturas, e estudo da atividade proteolitica de amostras genotipadas pelo polimorfismo da região espaçadora não- transcrita do DNA ribossômico (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: TAGLIALEGNA, RAFAEL - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: MICOSES; UNHAS; FUNGOS; BIOLOGIA CELULAR; MICOLOGIA MÉDICA
  • Language: Português
  • Abstract: As onicomicoses cansadas por T. rubrum são doenças de difícil tratamento, mesmo com o arsenal terapêutico de drogas antifúngicas atualmente disponível. Além dos problemas de biodisponibilidade dos fármacos nas unhas, acredita-se que algumas estruturas fúngicas em estado de dormência poderiam ser menos responsivas aos efeitos tóxicos dos antifúngicos. Visando contribuir para o entendimento deste e outros aspectos da fisiopatogenia das onicomicoses, células fúngicas de pacientes com onicomicose (coletadas por via transungueal) e microgonídios (obtidas de cultura em Ágar-Sabouraud-dextrose) foram comparados quanto à morfologia e a sensibilidade à terbinafina. Quando observadas por microscopia eletrônica, as unhas com onicomicose por T. rubrum mostraram presença de clamidoconidos com características morfológicas de esporos em estado de dormência: paredes celulares espessas, citoplasma denso, com acúmulo de lipídios e polissacarídeos insolúveis, e atividade intensa de autofagia. Além disso, os clamidoconidos se mostraram mais tolerantes ao efeito fungicida da terbinafina que os microgonídios, dando suporte à hipótese de que a persistência destas células nas unhas, após o término do tratamento, possa explicar algumas falhas terapêuticas. A genotipagem das amostras, segundo polimorfismos da região espaçadora não transcrita do DNA ribossômico, mostrou a presença de 8 variantes genotípicas, sendo o tipo 1A o mais frequente. Para avaliar possíveis diferenças na capacidade do fungo em degradar a queratina, foi desenvolvido um substrato cromogênico conjugado com remazol, a partir de pó de unha. Verificou-se que as amostras de T. rubrum foram capazes de degradar esse substrato natural com diferentes intensidades, sem correlação dessa atividade com o tipo de variante genotípica. Durante o crescimento, o fungo secretou metaloproteases e serinaproteases, evidenciadas em zimogramascom gelatina. Em zimogramas contendo pó de unha como substrato, apenas as metaloproteases foram capazes de degradar o substrato queratinizado. O uso de agentes redutores intensificou a atividade queratinolitica das metaloproteases, mas não teve efeito sobre a atividade das serinaproteases. Nas unhas de pacientes com onicomicose foram encontradas as mesmas enzimas secretadas durante o crescimento fúngico em meio de cultura, validando este modelo de estudo "in vitro" para onicomicoses
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.05.2010

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200055174Taglialegna, Rafael
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TAGLIALEGNA, Rafael; MAFFEI, Claudia Maria Leite. Onicomicose por Trichophyton rubrum: avaliação biológica comparativa entre células fúngicas obtidas diretamente de pacientes e isoladas de culturas, e estudo da atividade proteolitica de amostras genotipadas pelo polimorfismo da região espaçadora não- transcrita do DNA ribossômico. 2010.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2010.
    • APA

      Taglialegna, R., & Maffei, C. M. L. (2010). Onicomicose por Trichophyton rubrum: avaliação biológica comparativa entre células fúngicas obtidas diretamente de pacientes e isoladas de culturas, e estudo da atividade proteolitica de amostras genotipadas pelo polimorfismo da região espaçadora não- transcrita do DNA ribossômico. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Taglialegna R, Maffei CML. Onicomicose por Trichophyton rubrum: avaliação biológica comparativa entre células fúngicas obtidas diretamente de pacientes e isoladas de culturas, e estudo da atividade proteolitica de amostras genotipadas pelo polimorfismo da região espaçadora não- transcrita do DNA ribossômico. 2010 ;
    • Vancouver

      Taglialegna R, Maffei CML. Onicomicose por Trichophyton rubrum: avaliação biológica comparativa entre células fúngicas obtidas diretamente de pacientes e isoladas de culturas, e estudo da atividade proteolitica de amostras genotipadas pelo polimorfismo da região espaçadora não- transcrita do DNA ribossômico. 2010 ;