Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Perfil de expressão dos genes da cascata de determinação e diferenciação sexual no desenvolvimento embrionário e larval de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae) (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FREITAS, FLÁVIA CRISTINA DE PAULA - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: ABELHAS; DIFERENÇAS SEXUAIS ANIMAL; EXPRESSÃO GÊNICA; GENÉTICA
  • Language: Português
  • Abstract: A determinação do sexo é um dos principais eventos do desenvolvimento em metazoários superiores. Após a decisão do destino sexual, inicia-se a diferenciação que determina características morfológicas, fisiológicos e comportamentais. O sinal inicial varia entre os grupos, mas os sinais terminais são conservados entre os metazoários. doublesex está entre os genes mais conservados da cascata de determinação do sexo em insetos. Este gene codifica um fator de transcrição do tipo zinc-finger que regula a transcrição sexo-específica de vários genes-alvo. Em Apis mellifera, o sinal inicial da cascata de determinação do sexo é resultante da composição alélica do gene o complementary sex determinar (csd): se o embrião em desenvolvimento for heterozigoto, desenvolve-se em femea, se for hemizigoto ou homozigoto, desenvolve-se em macho. O produto do gene csd regula o processamento do prémRNA do gene^feminizer (fiem), que apresenta transcritos sexo-específicos. Acredita-se que o gene fiem esteja envolvido na regulação do processamento dos transcritos do gene amdsx. Em insetos, o pré-mRNA de dsx sofre processamento alternativo nos sexos que determina variações na estrutura do fator de transcrição DSX e consequente regulação diferencial em machos e femeas. Faltam evidências, no entanto, para determinação da função do dsx em abelhas, em particular sobre a expressão desse gene e de outros genes envolvidos na cascata de determinação sexual. Assim, o objetivo deste trabalho foi a caracterização da expressão das variantes de amdsx e outros genes da cascata de determinação e diferenciação sexual (csd, fiem, dachshund and intersex) no desenvolvimento embrionário e larval. De modo geral, os genes estudados apresentam perfis de expressão antagónicos nos sexos e castas. Nossos resultados se contrapõem à ideia da expressão sexo-específica das variantes do gene amdsx. Épossível dizer que os genes aqui estudados, em especial no desenvolvimento embrionário, apresentam expressão sexualmente dimórfica. Nossos dados sugerem, portanto, que a diferenciação sexual em abelhas ocorre pela expressão diferencial dos genes
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.04.2010

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200055159Freitas, Flávia Cristina de Paula
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FREITAS, Flávia Cristina de Paula; SIMÕES, Zilá Luz Paulino. Perfil de expressão dos genes da cascata de determinação e diferenciação sexual no desenvolvimento embrionário e larval de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae). 2010.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2010.
    • APA

      Freitas, F. C. de P., & Simões, Z. L. P. (2010). Perfil de expressão dos genes da cascata de determinação e diferenciação sexual no desenvolvimento embrionário e larval de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae). Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Freitas FC de P, Simões ZLP. Perfil de expressão dos genes da cascata de determinação e diferenciação sexual no desenvolvimento embrionário e larval de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae). 2010 ;
    • Vancouver

      Freitas FC de P, Simões ZLP. Perfil de expressão dos genes da cascata de determinação e diferenciação sexual no desenvolvimento embrionário e larval de Apis mellifera (Hymenoptera: Apidae). 2010 ;