Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Subjetividade Contemporânea na Educação Médica A formação humanística em Medicina (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: RIOS, IZABEL CRISTINA - FM
  • USP Schools: FM
  • Sigla do Departamento: MPR
  • Subjects: EDUCAÇÃO MÉDICA; HUMANIZAÇÃO; CIÊNCIAS HUMANAS; COMPETÊNCIA CLÍNICA
  • Language: Português
  • Abstract: A formação do médico durante a graduação é um longo processo de aquisição de competências referentes ao domínio técnico, ético e relacional da profissão, que reafirmam valores históricos, e ganham contornos atuais no discurso da humanização das práticas de saúde. As diretrizes curriculares para o curso médico preconizam desenvolver habilidades de comunicação, valores éticos, e atitudes de sensibilidade e compreensão com o sofrimento alheio, pois se sabe que, na medicina, relações sem o legítimo interesse e preocupação com o outro comprometem a qualidade da própria realização técnica do ato médico. Entretanto, os estudos evidenciam grandes dificuldades nesse aspecto da humanização das práticas. Uma das causas dessa aridez afetiva e das dificuldades na relação com o paciente seria a formação centrada na aquisição de competência técnico-científica de forma tecnicista. Como contraponto, tentou-se incluir disciplinas de humanidades médicas nos currículos, o que tem se mostrado tarefa árdua. A difícil inclusão de temas humanísticos e desenvolvimento de competência ético-relacional nas escolas médicas fazem pensar que aspectos mais sutis na construção da identidade médica podem estar corroborando com tais fatos. A subjetividade contemporânea (valores, modelos, inscrições de significado), redimensionada na cultura médica, moldaria relações entre as pessoas no ambiente de ensino que dificultaria a experiência intersubjetiva, resultando em uma educação médica que ressalta a tecnologia e se abstém do seu potencial interativo. Com base nessa tese, nosso estudo buscou identificar as dimensões culturais mais importantes na construção das subjetividades contemporâneas no tocante à medicina e investigar o encontro intersubjetivo (professor-aluno, aluno-aluno, professor-professor) no contexto da formação médica. Pela abordagem qualitativa (Continua)(continuação) buscamos interpretar-compreender como um conjunto mais amplo de aspectos da contemporaneidade, combinados na forma de três núcleos temáticos – o Eu, a Tecnologia e a Interatividade –, imprimiam-se no cotidiano de professores e de alunos em momentos diferentes do aprendizado. Percebemos que as dificuldades para a experiência intersubjetiva se manifestam e se reforçam nos processos interativos já durante a graduação. Comportamentos narcísicos, relações instrumentais, violência, e a baixa qualidade organizacional da gestão das práticas assistenciais sobressaem na análise dos dados. Concluímos, com base nesses resultados, que a formação humanística melhor se desenvolverá por meio de: 1. o aprimoramento das disciplinas de humanidades médicas; 2. a integração de sua temática com a prática clínica; 3. a conscientização dos professores quanto ao seu papel de modelo junto aos alunos e quanto à importância de saber trabalhar temas humanísticos em sua área de atuação; 4. a humanização dos serviços de saúde que participam do ensino médico; 5. e, essencialmente, por meio de um processo educacional que permita a aproximação da educação com a ética no viver institucional
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.07.2010
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FM10700068443W4.DB8 SP.USP FM-2 R453su 2010
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RIOS, Izabel Cristina; SCHRAIBER, Lilia Blima. Subjetividade Contemporânea na Educação Médica A formação humanística em Medicina. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5137/tde-27082010-143815/ >.
    • APA

      Rios, I. C., & Schraiber, L. B. (2010). Subjetividade Contemporânea na Educação Médica A formação humanística em Medicina. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5137/tde-27082010-143815/
    • NLM

      Rios IC, Schraiber LB. Subjetividade Contemporânea na Educação Médica A formação humanística em Medicina [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5137/tde-27082010-143815/
    • Vancouver

      Rios IC, Schraiber LB. Subjetividade Contemporânea na Educação Médica A formação humanística em Medicina [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5137/tde-27082010-143815/