Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Identificação de moléculas com propriedades imunomoduladoras na saliva de carrapatos Rhipicephalus sanguineus (Latreille, 1806) (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OLIVEIRA, CARLO JOSÉ FREIRE DE - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: CÉLULAS DENDRÍTICAS; SALIVA; RHIPICEPHALUS SANGUINEUS; PROSTAGLANDINAS; IMUNOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: Células dendríticas (DCs) são uma das principais células responsáveis pela ativação da resposta imune inata e adaptativa; e dependendo de como essas células são induzidas pode resultar em suscetibilidade ou resistência a um determinado patógeno/parasita. Carrapatos são artrópodes hematófagos parasitas de vertebrados que podem suprimir a resposta protetora do hospedeiro na tentativa de facilitar sua alimentação, transmissão de patógenos e sobrevivência. Nas últimas décadas alguns trabalhos vêm mostrando que substâncias farmacologicamente ativas presentes na saliva de carrapatos modulam a atividade de células do sistema imunológico e/ou suas vias efetoras. No presente trabalho, identificamos componentes da saliva de carrapatos Rhipicephalus sanguineus que inibem a diferenciação, produção de citocinas e a expressão de moléculas co-estimuladoras de DCs. Primeiramente foi mostrado que saliva de carrapatos R. sanguineus inibe a produção das citocinas IL-12p40 e TNF-‘alfa’, enquanto potencializa a produção de IL-10 em DCs induzidas à maturação com ligantes de receptores do tipo Toll (TLRs), tais como PGN (TLR-2), LPS (TLR-4) e CpG-ODN 1826 (TLR-9). Saliva de carrapatos também reduz a expressão de CD40 e CD86 em DCs estimuladas com os mesmos ligantes. Além disso, saliva induziu a expressão do mRNA para SOCS3, o qual é um regulador negativo de TLRs. Na tentativa de separar e identificar as moléculas responsáveis por esses efeitos, a saliva foi centrifugada em membranas microcon (YM-5 - cut-off 5 kDa ) e depois fracionada por cromatografia líquida de alta eficiência (micro-HPLC). Em seguida, cada fração foi testada sobre a maturação de DCs induzida por LPS e, aquelas frações que tiveram efeitos inibitórios foram caracterizadas/identificadas por micro-HPLC acoplado a espectrometria de massa ou ELISA de competição. Os resultados mostraram, pela primeira vez na salivade carrapatos, a presença do nucleosídeo adenosina (~110 pmoles/’mü’L) o qual demonstrou ser um potente componente imunossupressor da maturação de DCs. Também foi detectada a presença de prostaglandina-‘E IND. 2’ (‘PGE IND. 2’ ~ 100 nM) na saliva, a qual exerceu efeito comparável à adenosina sobre a modulação da produção de citocinas nas DCs. Tanto adenosina quanto ‘PGE IND. 2’ inibiram a expressão de CD40 em DCs estimuladas com LPS, no entanto a(s) molécula(s) responsável(eis) pela inibição da expressão de CD86 não foi identificada. Além disso, foi demonstrado que adenosina é capaz de induzir a produção de ‘PGE IND. 2’ em DCs estimuladas por ligantes de TLRs. Demonstrou-se também que a ‘PGE IND. 2’ da saliva inibiu a diferenciação de DCs a partir de células precursoras da medula óssea. Por fim, mostrou-se que tanto adenosina quanto ‘PGE IND. 2’ cooperam na indução das atividades imunossupressoras já que induziram e amplificaram a mesma via de sinalização intracelular (cAMP-PKA). Tomados em conjunto, os achados revelam que a as moléculas adenosina e ‘PGE IND. 2’ (não-protéicas) presentes na saliva de carrapatos R. sanguineus são usadas por estes para subverter o sistema imune do hospedeiro, facilitando sua alimentação, propagação e transmissão de patógenos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.06.2010

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200055215Oliveira, Carlo José Freire de
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Carlo José Freire de; FERREIRA, Beatriz Rossetti. Identificação de moléculas com propriedades imunomoduladoras na saliva de carrapatos Rhipicephalus sanguineus (Latreille, 1806). 2010.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2010.
    • APA

      Oliveira, C. J. F. de, & Ferreira, B. R. (2010). Identificação de moléculas com propriedades imunomoduladoras na saliva de carrapatos Rhipicephalus sanguineus (Latreille, 1806). Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Oliveira CJF de, Ferreira BR. Identificação de moléculas com propriedades imunomoduladoras na saliva de carrapatos Rhipicephalus sanguineus (Latreille, 1806). 2010 ;
    • Vancouver

      Oliveira CJF de, Ferreira BR. Identificação de moléculas com propriedades imunomoduladoras na saliva de carrapatos Rhipicephalus sanguineus (Latreille, 1806). 2010 ;