Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação audiológica em pacientes submetidos aos tratamentos radioterápico e quimioterápico exclusivo ou combinado (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: DELL'ARINGA, ANA HELENA BANNWART - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Subjects: PERDA AUDITIVA; NEOPLASIAS; RADIOTERAPIA; QUIMIOTERAPIA
  • Language: Português
  • Abstract: Introducão: Os métodos terapêuticos radioterapia e quimioterapia realizados isoladamente ou em combinação são efetivos tratamentos anti neoplásicos que visam a cura ou o prolongamento da vida. São muito conhecidos por seus efeitos tóxicos e dentre eles encontra-se a ototoxicidade para a droga cisplatina e para a radiação em região de cabeça e pescoço. Objetivos: Avaliar a funcionalidade do sistema auditivo em sujeitos que realizaram tratamento radioterápico em região de cabeça e pescoço e quimioterapia a base de cisplatina tanto de maneira exclusiva como combinada. Métodos: No período de julho de 2006 a janeiro de 2008, 70 sujeitos foram submetidos a avaliações audiológicas (audiometria tonal limiar, imitanciometria e emissões otoacústicas por produto de distorção) pré e pós tratamento oncológico. Os sujeitos foram divididos em 3 grupos: Grupo A- (22) sujeitos que realkaram radioterapia exclusiva em região de cabeça e pescoço, Grupo B - (14) sujeitos que realizaram quimioterapia exclusiva a base de cisplatina e Grupo C - (34) sujeitos que realizaram radioterapia em região de cabeça e pescoço associada a quimioterapia a base de cisplatina. Resultados: Segundo os critérios da ASHA, a diminuição dos limiares auditivos tonais logo apos o término do tratamento radioterápico, foram verificadas em 10,5% orelhas esquerdas e 26,3% orelhas direitas; após o tratamento quimioterápico 33,3% orelhas esquerdas e 16,6% orelhas direitas apresentaram alteração e no tratamento combinado 57% orelhas esquerdas e 70% orelhas direitas. A idade abaixo de 60 anos foi o único fator de risco que apresentou relação significativa para a alteração da audição, apenas no grupo que realizou o tratamento combinado. Quando realizada a análise comparativa entre os grupos, a adição do agente quimioterápico, cisplatina, ao tratamento de radioterapia, foi responsável pelo aumento dos limiares auditivos tonais. Conclusão: Os três métoterapêuticos causaram alterações auditivas logo após o término do tratamento; o tratamento combinado foi o que apresentou maiores alterações; a adição da cisplatina ao tratamento radioterápico apresentou maior risco para a ototoxicidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.07.2010

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200055541Dell'Aringa, Ana Helena Bannawart
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DELL'ARINGA, Ana Helena Bannawart; ISAAC, Myriam de Lima. Avaliação audiológica em pacientes submetidos aos tratamentos radioterápico e quimioterápico exclusivo ou combinado. 2010.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2010.
    • APA

      Dell'Aringa, A. H. B., & Isaac, M. de L. (2010). Avaliação audiológica em pacientes submetidos aos tratamentos radioterápico e quimioterápico exclusivo ou combinado. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Dell'Aringa AHB, Isaac M de L. Avaliação audiológica em pacientes submetidos aos tratamentos radioterápico e quimioterápico exclusivo ou combinado. 2010 ;
    • Vancouver

      Dell'Aringa AHB, Isaac M de L. Avaliação audiológica em pacientes submetidos aos tratamentos radioterápico e quimioterápico exclusivo ou combinado. 2010 ;