Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Suplementação energética com triglicérides de cadeia média na insuficiência cardíaca congestiva avançada e baixa ingestão alimentar (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: VIEIRA, TAIS CLETO LOPES - FM
  • USP Schools: FM
  • Subjects: INSUFICIÊNCIA CARDÍACA; NUTRIÇÃO; TRANSTORNOS NUTRICIONAIS
  • Language: Português
  • Abstract: A redução do consumo de alimentos é freqüente durante a descompensação da insuficiência cardíaca, quando há um aumento do gasto energético basal. Os triglicérides de cadeia média, utilizados como suplementação energética, aumentam a densidade calórica dos alimentos, contribuindo para o metabolismo energético dos pacientes com insuficiência cardíaca. O objetivo foi avaliar o efeito da suplementação de triglicérides de cadeia média sobre o quoeficiente respiratório, na insuficiência cardíaca congestiva e na baixa ingestão alimentar. Foi realizado um estudo randomizado aberto com 45 pacientes de 18 a 70 anos com insuficiência cardíaca congestiva descompensada, fração de ejeção < 0,45, sem drogas vasoativas, dieta oral, IMC < 25kg/m2 para adultos e < 27 kg/m2 para idosos. Foram alocados aleatoriamente para grupo com suplementação de TCM e grupo controle. Os grupos realizaram duas medidas de VCO2 e VO2, por calorimetria indireta. O QR foi avaliado pela análise de variância com medidas repetidas. Foi considerado significante P < 0,05. 75% dos pacientes foram identificados em eutrofia pelo IMC, porém destes, 67% foram diagnosticados com desnutrição calórica e 65% com desnutrição protéico calórica quando analisados e classificados os indicadores de dobras cutâneas. A proporção de lipídeos aumentou de 9,5% para 57% das recomendações com 236,7 ± 95,0 kcal/d do triglicérides de cadeia média (P <0,001). A ingestão de calorias aumentou de 1966,3 ± 643,3 kcal /d para 2202,7 ± 708,4 kcal /d no grupo intervenção e manteve 1960,7 ± 702,6 kcal /d no grupo controle. Não houve variação significativa quoeficiente respiratório (grupo triglicérides de cadeia média +0,4%; grupo controle: +2,5%, P = 0,458). Quatro pacientes apresentaram efeitos adversos ao suplemento, no entanto, sem necessidade de suspensão. O triglicéride de cadeia média não reduziu o quoeficiente respiratório, no entanto melhorou a (Continua)(Continuation) proporção de carboidratos e lipídios, contribuindo para a melhora do aproveitamento energético.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.11.2010
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FM10700097894W4.DB8 SP.USP FM-2 V719su 2010
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VIEIRA, Tais Cleto Lopes; BARRETTO, Antonio Carlos Pereira. Suplementação energética com triglicérides de cadeia média na insuficiência cardíaca congestiva avançada e baixa ingestão alimentar. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-21122010-101922/ >.
    • APA

      Vieira, T. C. L., & Barretto, A. C. P. (2010). Suplementação energética com triglicérides de cadeia média na insuficiência cardíaca congestiva avançada e baixa ingestão alimentar. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-21122010-101922/
    • NLM

      Vieira TCL, Barretto ACP. Suplementação energética com triglicérides de cadeia média na insuficiência cardíaca congestiva avançada e baixa ingestão alimentar [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-21122010-101922/
    • Vancouver

      Vieira TCL, Barretto ACP. Suplementação energética com triglicérides de cadeia média na insuficiência cardíaca congestiva avançada e baixa ingestão alimentar [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-21122010-101922/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: