Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Evangelhos da revolta: Camus, Sartre e a remitologização moderna (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SOARES, CAIO CARAMICO - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLF
  • Subjects: LITERATURA FRANCESA; FILOSOFIA CONTEMPORÂNEA; MITOS; RELIGIÃO
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho é uma análise das obras de Albert Camus e de Jean-Paul Sartre sob o ângulo do que o crítico russo E. M. Mielietínski designou, em sua A Poética do Mito, de remitologização moderna, fenômeno de revalorização do mito, forma de discurso e de pensamento supostamente arcaica, mas que, em pleno século XX era que deveria marcar o auge da dessacralização e autonomização racional do homem, ressurge como representação poderosa de explicitação da condição humana e do tempo presente. Um ressurgimento mais patente na literatura com as obras de Joyce, Kafka e Thomas Mann, entre outros, crítica literária e ciências humanas (especialmente a psicologia freudiana e junguiana e a etnologia), mas que também intervém de maneira significativa na filosofia ocidental, em bases que nos propomos a abordar em suas figurações particulares em Albert Camus e Jean-Paul Sartre. A célebre querela entre os dois, por conta da publicação por Camus de O Homem Revoltado, em 1952, oferece o contexto objetivo para uma investigação que, contudo, vai além de tal episódio, e mesmo das diferenças exclusivamente ideológicas e filosófico-doutrinais ali em questão. Tomando por eixo privilegiado de análise justamente O Homem Revoltado, pretendemos estudar os principais aspectos da armação mitopoética da obra, à luz de suas ressonâncias em outras obras do autor, para depois lançar pistas para um cotejo deste específico "mitologismo moderno" que também propomos desvendar enquanto fenômeno de"camuflagem do sagrado", segundo Mircea Eliade com o que Sartre apresenta especialmente na peça As Moscas, em suas concepções dramatúrgicas em geral e também em textos como "Erostrato" e o "Prefácio" de Os Condenados da Terra, de Frantz Fanon, no que nos propomos chamar de a antropo(a)gonia mítica sartriana, calcada no valor simbólico da violência para a gênese do humano, em contraste com a "nostalgia participativa" que, em Camus, une os homens entre si e com a Natureza
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.02.2011
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOARES, Caio Caramico; SILVA, Franklin Leopoldo e. Evangelhos da revolta: Camus, Sartre e a remitologização moderna. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-01072011-142723/ >.
    • APA

      Soares, C. C., & Silva, F. L. e. (2011). Evangelhos da revolta: Camus, Sartre e a remitologização moderna. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-01072011-142723/
    • NLM

      Soares CC, Silva FL e. Evangelhos da revolta: Camus, Sartre e a remitologização moderna [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-01072011-142723/
    • Vancouver

      Soares CC, Silva FL e. Evangelhos da revolta: Camus, Sartre e a remitologização moderna [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-01072011-142723/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019