Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Função da orelha média e das curvas de crescimento nas respostas das emissões otoacústicas (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CAMPOS, UALACE DE PAULA - FM
  • USP Schools: FM
  • Sigla do Departamento: MCM
  • Subjects: EMISSÕES OTOACÚSTICAS; ORELHA MÉDIA; CÓCLEA (CITOLOGIA)
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: Dentre as medidas da função coclear, a curva de crescimento das Emissões Otoacústicas por produto de distorção (CCEOA PD) permite o registro da amplitude da emissão em função do crescimento sistemático nos níveis de tons primários. A CCEOA PD fornece parâmetros específicos sobre o limiar e o comportamento não-linear das EOA PD, porém a variabilidade das respostas inter e intrasujeitos reduz a confiabilidade dessa medida na avaliação da robustez das respostas cocleares e a relação dessa robustez com os limiares auditivos. OBJETIVOS: Esta pesquisa estudou as interações entre as medidas timpanométricas da orelha média e as medidas de função coclear em adultos jovens sem queixas auditivas, de acordo com as variáveis: antecedentes de alterações de orelha média, sexo e orelha direita / esquerda. MÉTODOS: Participaram 69 indivíduos com audição normal e idades entre 18 e 34 anos, sendo 21 homens e 48 mulheres. A caracterização das condições de orelha média foi obtida pela anamnese, com a informação dos antecedentes de alterações de orelha média e pela timpanometria com sondas de admitância de 226 e 1000 Hz. A audiometria foi realizada com resolução de 01 dB NA, o que possibilitou comparações mais refinadas entre o limiar psicoacústico da audiometria tonal, a amplitude do DP-Gram e os limiares das CCEOA PD. Além dessas variáveis, a interferência dos fatores sexo e orelha foram testadas em todas as análises. RESULTADOS/DISCUSSÃO: Os resultados apontaram que as curvas (Continua)(Continuação) de crescimento sofreram influência significativa das variáveis sexo, antecedentes de alterações de orelha média e orelha direita \\ esquerda, porém, apenas a interferência dos antecedentes foi constante e causou um padrão de modificação, ou seja, o grupo com antecedentes apresentou respostas aquém das respostas do grupo sem antecedentes. Os limiares audiométricos também apresentaram alta correlação com as amplitudes das EOA PD e com os limiares das CCEOA PD, quando identificadas as variáveis que interferiram nos resultados. Considerando que o ruído de fundo foi controlado nessa pesquisa, durante a avaliação das EOA PD e CCEOA PD, os resultados confirmaram a importância da consideração dessas variáveis na composição de grupos com audição normal em pesquisas com medidas de emissões otoacústicas. Ainda sobre os resultados, foi possível, por meio da medida da curva de crescimento (slope e limiar), demonstrar que o padrão de crescimento das CCEOA PD é diferente nos casos de modificação nas condições de orelha média e isso foi verificado tanto pelos antecedentes de alterações de orelha média quanto pelas medidas timpanométricas com sonda de admitância de 1000 Hz. CONCLUSÃO: O limiar das CCEOA - PD estudado nessa pesquisa apresentou correlação positiva com valores audiométricos e negativa com o DP-Gram. A inclinação da curva de crescimento (slope) também apresentou alta correlação com os antecedentes de alterações de orelha média, apontando o potencial valor desta medida no estudo da função coclear saudável e alterada e, conseqüentemente, sua possível utilização nas medidas prescritivas de amplificação
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.06.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FM10700098404W4.DB8 SP.USP FM-2 C218fu 2011
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAMPOS, Ualace de Paula; CARVALLO, Renata Mota Mamede de. Função da orelha média e das curvas de crescimento nas respostas das emissões otoacústicas. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-22072011-141615/ >.
    • APA

      Campos, U. de P., & Carvallo, R. M. M. de. (2011). Função da orelha média e das curvas de crescimento nas respostas das emissões otoacústicas. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-22072011-141615/
    • NLM

      Campos U de P, Carvallo RMM de. Função da orelha média e das curvas de crescimento nas respostas das emissões otoacústicas [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-22072011-141615/
    • Vancouver

      Campos U de P, Carvallo RMM de. Função da orelha média e das curvas de crescimento nas respostas das emissões otoacústicas [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-22072011-141615/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: