Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Purificação e caracterização de peptídeos antimicrobianos presentes na hemolinfa de Acutisoma longipes (Gonyleptidae; Opiliones) (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SAYEGH, RAPHAEL SANTA ROSA - BIOTECNOLOGIA
  • USP Schools: BIOTECNOLOGIA
  • Subjects: BIOTECNOLOGIA; SISTEMA IMUNE; PEPTÍDEOS (MICROBIOLOGIA); INSETOS PARASITAS (IMUNOLOGIA); ESPECTROSCOPIA INFRAVERMELHA
  • Language: Português
  • Abstract: No sistema imune de artrópodes, em contraste com o dos vertebrados, não ocorre uma resposta a antígenos por meio da produção de imunoglobulinas específicas contra agentes infecciosos. Portanto, a imunidade adaptativa está ausente, sendo que o sistema imune nesses animais baseia-se somente numa resposta inata. Os mecanismos presentes na resposta imune inata dos artrópodes incluem: (i) o sistema de coagulação; (ii) a cascata da profenoloxidase; (iii) a liberação de moléculas que possuem ação direta contra microorganismos – dentre elas, os peptídeos antimicrobianos (PAMs). Estas moléculas podem ser constitutivas, como observado em aracnídeos, ou terem sua expressão induzida após desafio imune, como observado em alguns insetos. PAMs são moléculas anfipáticas, geralmente catiônicas e compostas por 9 a 100 resíduos. O estudo desses peptídeos, além de possibilitar a descoberta de novas moléculas que tenham modo de ação alternativo aos antibióticos convencionais, permite uma compreensão mais ampla do sistema imunológico de diferentes grupos de animais, bem como a origem dos seus mecanismos na história evolutiva. Neste trabalho foi utilizado o opilião Acutisoma longipes como modelo experimental para a caracterização de PAMs presentes na sua hemolinfa, tendo em vista que não há registros de estudos dessa natureza que utilizaram representantes da ordem Opiliones. Primeiramente, foi demonstrada a ocorrência de diversas frações, obtidas da purificação da hemolinfa, com atividade anti-M. luteus, consistidas por peptídeos que aparentemente são constitutivos. Uma das frações mostrou-se pura e apresentou um peptídeo de 2,1 kDa cuja estrutura primária, composta por 18 resíduos, foi completamente elucidada (SGYLPGKEYVYKYKGKVF) por sequenciamento “de novo” e sequenciamento do N-terminal. Este peptídeo linear foi nomeado longipina.O peptídeo sintético apresentou atividade antimicrobiana contra as bactérias Escherichia coli e Micrococcus luteus, e as leveduras Candida albicans e C. tropicalis, além de não apresentar atividade hemolítica na máxima concentração testada (100 μM). Foi demonstrado que a longipina liga-se preferencialmente a vesículas unilamelares grandes (LUVs), constituídas de fosfolipídios aniônicos (POPG), que mimetizam as cargas da superfície das células de microorganismos. A ligação do peptídeo a LUVs compostas, na razão molar de 1:1, por POPG e POPC (zwiteriônico) provoca o extravasamento de marcadores (carboxifluoresceína) aprisionados nos seus interiores. Esse peptídeo encontra-se majoritariamente desestruturado em solução ou na presença de sistema mimético composto somente por POPC. Porém, na sua ligação com POPG:POPC 1:1, adota estruturas β e estrutura relacionada à presente em agregados intermoleculares de fibras amiloides.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.04.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ICB12100026602T-ICB BIOT QH323.6 S274pc 2011
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SAYEGH, Raphael Santa Rosa; SILVA JÚNIOR, Pedro Ismael da. Purificação e caracterização de peptídeos antimicrobianos presentes na hemolinfa de Acutisoma longipes (Gonyleptidae; Opiliones). 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-14092011-102621/pt-br.php >.
    • APA

      Sayegh, R. S. R., & Silva Júnior, P. I. da. (2011). Purificação e caracterização de peptídeos antimicrobianos presentes na hemolinfa de Acutisoma longipes (Gonyleptidae; Opiliones). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-14092011-102621/pt-br.php
    • NLM

      Sayegh RSR, Silva Júnior PI da. Purificação e caracterização de peptídeos antimicrobianos presentes na hemolinfa de Acutisoma longipes (Gonyleptidae; Opiliones) [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-14092011-102621/pt-br.php
    • Vancouver

      Sayegh RSR, Silva Júnior PI da. Purificação e caracterização de peptídeos antimicrobianos presentes na hemolinfa de Acutisoma longipes (Gonyleptidae; Opiliones) [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-14092011-102621/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: