Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Atividade tóxica da peçonha de Lachesis muta rhombeata e produção de fragmentos de anticorpos humanos (scFv) contra a peçonha bruta (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CAMPOS, LUCAS BENÍCIO - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RBI
  • Subjects: VENENOS DE ORIGEM ANIMAL; SERPENTES; SOROS; TOXINAS; ANTICORPOS
  • Keywords: Fosfolipase A2; L-aminoácido oxidase; Lachesis muta rhombeata; Phage Display; Protease; scFv; L-amino acid oxidase; Phospholipase A2
  • Language: Português
  • Abstract: O tratamento atual indicado para casos de envenenamentos por peçonhas é a administração intravenosa de antivenenos, produzidos através da hiperimunização de animais. Entretanto, os antivenenos disponíveis podem, algumas vezes, não proteger os pacientes e causar reações de hipersensibilidade. Fosfolipases A2 (‘PLA IND. 2’), L-aminoácido oxidases (LAAO), metalo e serinoproteases são os principais componentes de peçonhas ofídicas e contribuem para a neurotoxicidade, hemorragia, hemólise, miotoxicidade, cardiotoxicidade e formação de edemas. Foram empregados ensaios para avaliar as atividades das enzimas presentes na peçonha de serpentes da espécie Lachesis muta rhombeata e aquele para atividade de protease foi otimizado. A tecnologia de Phage display foi empregada para a seleção de fagos-anticorpos capazes de reconhecer a peçonha bruta. Os fagos foram amplificados em Escherichia coli TG1 e usados para infectar E. coli HB2151, a qual produz fragmentos de anticorpos humanos solúveis. Estes foram purificados e utilizados em testes de inibição de alguns dos componentes tóxicos da peçonha. Os testes de atividade para ‘PLA IND. 2’, protease e Laminoácido oxidase foram padronizados com sucesso e as 3 proteínas mostraram elevada atividade enzimática. Após otimização, a quantidade de peçonha necessária para o ensaio de protease foi reduzida em 25 vezes. A massa molecular de ‘PLA IND. 2’ foi estimada em 17 kDa e as massas moleculares de proteases foram estimadas em 40, 35 e 24 kDa, através de zimogramas. O método de bio panning foi eficiente para a seleção de fagos-anticorpos contra a peçonha bruta. Diversos fragmentos de anticorpos foram purificados e incubados com a peçonha bruta para testar suas capacidades de neutralização sobre cada enzima. Cinco clones demonstraram-se hábeis em inibir a ‘PLA IND. 2’ através da inibição da hemólise. O clone 4E inibiu 100% da hemólise durante as duashoras de ensaio quando pré-incubado na proporção 2:1 (scFv:peçonha). Os clones 2C e 4E inibiram 100% durante uma hora quando pré-incubados na proporção 1:1 e os clones 2F e 9F inibiram a hemólise parcialmente. Outros testes serão conduzidos para a seleção de clones capazes de neutralizar as demais enzimas, os quais, juntamente com os clones já selecionados, serão analisados através de ensaios in vivo. Espera-se que eles possam contribuir para a construção de um novo antiveneno capaz de superar algumas das dificuldades associadas às técnicas de imunoterapia convencionais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.04.2011
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAMPOS, Lucas Benício; COUTINHO NETTO, Joaquim. Atividade tóxica da peçonha de Lachesis muta rhombeata e produção de fragmentos de anticorpos humanos (scFv) contra a peçonha bruta. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17131/tde-21072016-110802/ >.
    • APA

      Campos, L. B., & Coutinho Netto, J. (2011). Atividade tóxica da peçonha de Lachesis muta rhombeata e produção de fragmentos de anticorpos humanos (scFv) contra a peçonha bruta. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17131/tde-21072016-110802/
    • NLM

      Campos LB, Coutinho Netto J. Atividade tóxica da peçonha de Lachesis muta rhombeata e produção de fragmentos de anticorpos humanos (scFv) contra a peçonha bruta [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17131/tde-21072016-110802/
    • Vancouver

      Campos LB, Coutinho Netto J. Atividade tóxica da peçonha de Lachesis muta rhombeata e produção de fragmentos de anticorpos humanos (scFv) contra a peçonha bruta [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17131/tde-21072016-110802/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019