Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Impacto do tamanho ao nascer no desenvolvimento cognitivo de crianças brasileiras (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PONTES, TATIANA BARCELOS - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPP
  • Subjects: BEBÊ PREMATURO; DESENVOLVIMENTO COGNITIVO; ESTUDOS DE COORTES; FATORES SOCIOECONÔMICOS
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: O desenvolvimento infantil é influenciado por diversos fatores, sendo estes psicossociais, biológicos e herança genética. A magnitude dos efeitos do nascimento prétermo, do baixo peso (BP) ao nascer e do ambiente no desempenho cognitivo de crianças na idade escolar ainda é desconhecida. A extrema variabilidade nos dados publicados resulta do pequeno número de indivíduos na amostra e das diferenças nos métodos utilizados. Apesar da importância, as conseqüências posteriores destas condições são pouco conhecidas. Objetivos: Avaliar a associação entre faixas de peso ao nascer e desenvolvimento cognitivo de crianças na idade escolar e verificar se os efeitos das diferentes faixas de peso ao nascer sobre o nível cognitivo são modulados por fatores biológicos e sócio demográficos do nascimento e da idade escolar. Materiais e métodos: O estudo foi baseado em duas coortes de nascimento, a primeira localizada em Ribeirão Preto (RP) e a segunda em São Luís (SL). O total de 1463 crianças foi avaliado, sendo 790 de RP e 673 de SL, distribuídas em cinco grupos de acordo com o peso ao nascer foram estudadas: < 1500g, 1500 ׀- 2500g, 2500 ׀- 3000g, 3000 ׀- 4250g e ≥ 4250g. Foram coletados dados ao nascimento e na idade escolar (7 a 11 anos de idade). O desenvolvimento cognitivo foi avaliado pelo Teste das Matrizes Progressivas de Raven e foi aplicado questionário padronizado ao nascimento e na idade escolar. As principais variáveis independentes estudadas foram escolaridade da mãe, situação conjugal, ocupação do chefe de família ao nascimento e na idade escolar, sexo, hábito materno de fumar na gestação, idade gestacional, paridade, idade materna, peso ao nascimento, freqüência em creche, índice de massa corporal (IMC) na idade escolar e número de pessoas na casa. As principais questões do estudo foram avaliadas utilizando análise de regressão logística emrelação às variáveis dependentes. Foram elaborados três modelos ajustados, o primeiro apenas para as variáveis do nascimento (modelo 1), o segundo modelo foi ajustado pelas variáveis da idade escolar (modelo 2) e o terceiro modelo foi ajustado pelas variáveis coletadas ao nascer e na idade escolar (modelo 3). As variáveis foram incluídas nos modelos mediante análise do Odds Ratio bruto e das evidências encontradas na literatura. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa do HCFMRP-USP- HCRP no 6828/2004. Resultados: As avaliações do desenvolvimento cognitivo mostraram pior desempenho para as crianças nascidas em São Luís, com 29,4% de resultado inadequado enquanto em Ribeirão Preto a porcentagem foi de 13,2%. Em RP, após ajustamento apenas idade gestacional entre 34 e 36 semanas e número de moradores na casa ≥ 4 foram variáveis associadas a desenvolvimento cognitivo inadequado. Em SL, escolaridade materna < 5 e peso ao nascer entre 1500g e 2499g foram fatores de risco para pobre desempenho cognitivo. Conclusão: O estudo reforça a natureza multicausal de atrasos no desenvolvimento cognitivo. As condições biológicas exercem papéis diferentes a depender das condições econômicas e de vida da população estudada. Os resultados deste estudo contribuem para o planejamento de intervenções controladas visando reduzir a morbidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.05.2011

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PONTES, Tatiana Barcelos; BARBIERI, Marco Antonio. Impacto do tamanho ao nascer no desenvolvimento cognitivo de crianças brasileiras. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011.
    • APA

      Pontes, T. B., & Barbieri, M. A. (2011). Impacto do tamanho ao nascer no desenvolvimento cognitivo de crianças brasileiras. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Pontes TB, Barbieri MA. Impacto do tamanho ao nascer no desenvolvimento cognitivo de crianças brasileiras. 2011 ;
    • Vancouver

      Pontes TB, Barbieri MA. Impacto do tamanho ao nascer no desenvolvimento cognitivo de crianças brasileiras. 2011 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019