Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Desempenho da firma e práticas de governança corporativa: um modelo de equações simultâneas (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MELEGA, RAYANI - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Sigla do Departamento: SES
  • Subjects: GOVERNANÇA CORPORATIVA
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo deste trabalho é analisar a relação entre práticas de governança corporativa e desempenho de 370 empresas brasileiras de capital aberto no período de 1997 a 2007. O banco de dados utilizado foi construído a partir de dados extraídos dos relatórios Informativos Anuais (IAN), fornecidos pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e pela base de dados do Economática®. Para considerar a causalidade reversa entre as variáveis de governança e desempenho e tendo em vista a presença de endogeneidade, utilizou-se um sistema de equações simultâneas composto por quatros equações. Neste sistema as variáveis de governança corporativa, estrutura de capital, estrutura de propriedade e desempenho foram consideradas endógenas. Os parâmetros do modelo foram estimados com a utilização do método de mínimos quadrados de dois estágios (MQ2E) e de mínimos quadrados de três estágios (MQ3E). O teste de Hausman sugere que as estimativas obtidas por meio de mínimos quadrados de três estágios são mais apropriadas para as inferências estatísticas. Os principais resultados indicaram que a diferença entre o direito de voto e o direito de fluxo de caixa em posse do maior acionista último é negativamente relacionada com o desempenho operacional da empresa. Isto indica que empresas com maior potencial de expropriação dos acionistas minoritários pelos majoritários tendem a apresentar menor desempenho. Esse resultado confirma a hipótese de que uma maior qualidade de governança corporativa impacta positivamente no desempenho da firma. Com a utilização da metodologia empregada, também foi possível analisar a influência do desempenho da firma sobre aspectos de governança corporativa. Os resultados apontaram que, quanto maior o desempenho maior a diferença entre o direito de voto e direito de fluxo de caixa do maioracionista último. Assim, os resultados evidenciam que a adoção de práticas de governança é importante para explicar o desempenho da firma, e também indicam a existência de inter-relação entre as variáveis testadas no modelo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.09.2011
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MELEGA, Rayani; KALATZIS, Aquiles Elie Guimarães. Desempenho da firma e práticas de governança corporativa: um modelo de equações simultâneas. 2011.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18157/tde-21102011-114848/pt-br.php >.
    • APA

      Melega, R., & Kalatzis, A. E. G. (2011). Desempenho da firma e práticas de governança corporativa: um modelo de equações simultâneas. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18157/tde-21102011-114848/pt-br.php
    • NLM

      Melega R, Kalatzis AEG. Desempenho da firma e práticas de governança corporativa: um modelo de equações simultâneas [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18157/tde-21102011-114848/pt-br.php
    • Vancouver

      Melega R, Kalatzis AEG. Desempenho da firma e práticas de governança corporativa: um modelo de equações simultâneas [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18157/tde-21102011-114848/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019