Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Desenvolvimento de comprimidos e isolamento de marcadores a partir do extrato hidroalcoólico das folhas de Copaifera langsdorffii Desf. (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SILVA, MAURO NOGUEIRA DA - FCFRP
  • USP Schools: FCFRP
  • Subjects: COMPRIMIDOS; FABACEAE; PRODUTOS NATURAIS
  • Language: Português
  • Abstract: A espécie Copaifera langsdorffii pertence à família Leguminosae Juss., sub-família Caesalpinioideae Kunth. No Brasil, espécies de copaifera são amplamente distribuídas nos estados do Amazonas, Pará e Ceará e são mundialmente conhecidas pelo oleorresina que pode ser extraído de forma sustentável do tronco de suas e árvores. Este oleorresina e suas frações voláteis são amplamente estudados. No entanto, poucos estudos se relacionam com a composição química e biológica de outras partes da planta. A atividade antilitiásica do extrato hidroalcoólico das folhas dessa espécie, evidenciada em estudos preliminares pelo grupo de pesquisa e já com pedido de depósito de patente, abriu perspectivas para investigação fitoquímica deste extrato e produção de comprimidos fitoterápicos. Assim, objetivou-se nesse estudo conhecer o perfil químico do extrato, isolar e identificar metabólitos secundários que possam ser utilizados como marcadores da espécie e/ou como padrões cromatográficos, utilizando diferentes modalidades cromatográficas. E ainda, realizar estudos de extração, secagem e de pré-formulação para produção de comprimidos de qualidade contendo teor de extrato em dose adequada à utilização em ensaios clínicos futuros. O perfil químico do extrato e frações obtidas após partição com solventes de polaridade crescente demonstra constituição majoritária de compostos polares. A fracão em AcOEt foi submetida às técnicas de cromatografia em coluna clássica e cromatografia contracorrente (HSCCC) propiciando o isolamento dos compostos 1 (quercetina-3-O--L-raminopiranosídeo) e 2 canferol-3-O--L raminopiranosídeo), após purificação em CLAE preparativa. A fração aquosa foi submetida às técnicas de cromatografia em coluna utilizando gel de sephadex LH-20 e cromatografia contracorrente, propiciando o isolamento dos compostos de 3-10, após purificação em CLAEpreparativa. Os compostos 4, 6, 9 e 10 tiveram suas estruturas elucidadas e pertencem à classe dos ácidos galoilquínicos, identificados como ácido 6,4-dimetóxi-3,4-di-O-galoilquínico; ácido 6-metóxi-3,4,5-tri-O-galoilquínico; ácido 4,4-dimetoxi-3,4,5-tri-O-galoilquínico; e ácido 4-metóxil-3-O-galoilquínico, respectivamente. Os estudos de extração levaram à obtenção de três extratos com maior rendimento, sendo o processo de extração simples utilizando-se etanol:água 7:3 (45 mL) com 3 g de droga vegetal, o qual foi de escolha para produção do extrato avaliado no estudo de secagem por spray drying. Os resultados do estudo de secagem não revelaram diferenças significativas entre os experimentos avaliados e as partículas dos extratos secos obtidos não apresentaram boas características de fluxo para compressão direta. A granulação por via úmida do extrato seco contendo 73% de extrato, 25% dos adjuvantes Maltodextrina:Aerosil (1:1) e 2% de polivinil pirolidona, produziu partículas com características e propriedades de fluxo excelentes para a compressão. A compressão dos granulados sem adição de outros excipientes proporcionou comprimidos com dureza elevada e longos tempos de desintegração. No entanto, comprimidos produzidos por mistura prévia com granulado de amido+lactose, apresentaram melhores características físicas, sendo os valores de dureza e friabilidade aceitáveis e tempos de desintegração menores e próximos aos valores recomendados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.08.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCFRP10600010236Silva, Mauro Nogueira da
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Mauro Nogueira da; BASTOS, Jairo Kenupp. Desenvolvimento de comprimidos e isolamento de marcadores a partir do extrato hidroalcoólico das folhas de Copaifera langsdorffii Desf.. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-31082011-093343/ >.
    • APA

      Silva, M. N. da, & Bastos, J. K. (2011). Desenvolvimento de comprimidos e isolamento de marcadores a partir do extrato hidroalcoólico das folhas de Copaifera langsdorffii Desf. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-31082011-093343/
    • NLM

      Silva MN da, Bastos JK. Desenvolvimento de comprimidos e isolamento de marcadores a partir do extrato hidroalcoólico das folhas de Copaifera langsdorffii Desf. [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-31082011-093343/
    • Vancouver

      Silva MN da, Bastos JK. Desenvolvimento de comprimidos e isolamento de marcadores a partir do extrato hidroalcoólico das folhas de Copaifera langsdorffii Desf. [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-31082011-093343/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: