Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Remoção de 'CD POT.2+' e 'CU POT.2+' de águas residuárias utilizando biorreator anaeróbio contínuo de leito fixo ordenado (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MOCKAITIS, GUSTAVO - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Subjects: REATORES ANAERÓBIOS; TRATAMENTO BIOLÓGICO DE ÁGUAS RESIDUÁRIAS
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho apresenta o biorreator anaeróbio contínuo de leito fixo ordenado como alternativa ao tratamento de efluentes contendo os íons 'CU POT.2+' e 'CD POT.2+', sendo que cada metal foi estudado isoladamente. O biorreator operou sempre com um tempo de detenção hidráulica de 12 à 15 horas, com uma água residuária sintética simulando o esgoto sanitário, na concentração de 500 mg '0 IND.2'/L (em termos de DQO), a uma temperatura de 30°C. Durante a fase na qual o biorreator operou com água residuária em condições metanogênicas o biorreator foi alimentado, em condições distintas, com concentrações crescentes de 'CU POT.2+' e 'CD POT.2+'. O acúmulo dos metais na matriz de imobilização levou ao bioreator apresentar instabilidade na operação, sendo determinadas as concentrações críticas para o 'CU POT.2+' (50,8 mg 'CU POT.2+'/L) e para o 'CD POT.2+' (29,8 mg 'CD POT.2+'/L). Durante a operação nas condições metanogênicas foi observado o efeito tóxico pela diminuição na eficiência de remoção de matéria orgânica, mas sem perder a estabilidade operacional até que as concentrações críticas foram atingidas. A partir dos valores das concentrações críticas, o biorreator foi operado em condições sulfetogênicas em duas relações DQO/['SO IND.4'POT.2-'] distintas (0,68 e 1,99 para o uma concentração média de 36 mg 'CU POT.2+'/L; e 0,69 e 8,02 para uma concentração média de 27 mg 'CD POT.2+'/L). Nas operações em condições sulfetogênicas, o biorreator operou de maneira estável, no entanto, não foi capaz de remover todo o metal alimentado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.03.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100143938TESE 8072
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MOCKAITIS, Gustavo; ZAIAT, Marcelo; RODRIGUES, José Alberto Domingues. Remoção de 'CD POT.2+' e 'CU POT.2+' de águas residuárias utilizando biorreator anaeróbio contínuo de leito fixo ordenado. 2011.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-23052012-094832/pt-br.php >.
    • APA

      Mockaitis, G., Zaiat, M., & Rodrigues, J. A. D. (2011). Remoção de 'CD POT.2+' e 'CU POT.2+' de águas residuárias utilizando biorreator anaeróbio contínuo de leito fixo ordenado. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-23052012-094832/pt-br.php
    • NLM

      Mockaitis G, Zaiat M, Rodrigues JAD. Remoção de 'CD POT.2+' e 'CU POT.2+' de águas residuárias utilizando biorreator anaeróbio contínuo de leito fixo ordenado [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-23052012-094832/pt-br.php
    • Vancouver

      Mockaitis G, Zaiat M, Rodrigues JAD. Remoção de 'CD POT.2+' e 'CU POT.2+' de águas residuárias utilizando biorreator anaeróbio contínuo de leito fixo ordenado [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-23052012-094832/pt-br.php