Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Otimização do crescimento e desenvolvimento de teca (Tectona grandis Linn f.) in vitro (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NERY, FELIPE UASSURÊ - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LCF
  • Subjects: CLONAGEM; CULTURA DE TECIDOS; MICROPROPAGAÇÃO VEGETAL; ORGANOGÊNESE VEGETAL; TECA
  • Language: Português
  • Abstract: O crescente aumento no uso da micropropagação de teca como forma de produção de clones com qualidades genotípicas e fenotípicas selecionadas a partir de árvores de elite, determinou a importância desse método, pois origina plantações com maior qualidade e uniformidade, agregando maior valor ao preço da madeira no mercado. O uso de sementes para a obtenção de mudas é uma técnica menos onerosa, porém resulta em plantas com tamanhos desiguais e não há um padrão na qualidade da madeira, essa técnica depende também da época de produção de sementes e, portanto é restrita a um período do ano. A micropropagação permite a clonagem em larga escala das árvores de elite em tempo e espaço reduzidos, podendo ser realizada em qualquer época do ano, além disso, permite a formação de mudas totalmente livres de pragas e patógenos. Faz-se necessário, maiores estudos com meio de cultura para Tectona grandis, pois os materiais relacionados a esse assunto são escassos. Para que a técnica do cultivo in vitro da teca seja incrementada, objetivou-se nesse experimento, otimizar o crescimento dos explantes de três clones diferentes, testando a eficiência de 6 meios de cultura com diferentes formulações nutricionais e constatar qual deles apresenta a melhor resposta para cada clone. O estudo contou com 6 tratamentos (MS, Básico, M1, M2, M3 e M4), durante oito épocas de avaliação (0, 7, 14, 21, 28, 35, 42 e 49 dias), para três clones de Tectona grandis (61, 62 e 68), com três repetições portratamento/clone, utilizando o delineamento experimental inteiramente casualizado. A avaliação do crescimento foi feita por meio do peso de matéria fresca (PMF), matéria seca (PMS) e a taxa de crescimento relativo (TCR) proporcionado pelos meios. O PMF foi usado para obtenção do PMS e cálculo da TCR. Baseado nos valores do PMS obtidos, para o clone 61, constatou-se a formulação do meio Básico (PMS = 0,38 g), como a mais eficiente. Para o clone 62, o meio mais responsivo foi M4 (PMS = 0,47 g) e no clone 68, destacou-se o meio M3 (PMS = 0,71 g). Quanto a TCR, não foi encontrada diferença estatística significativa para nenhum dos 6 meios de cultura levando-se em conta os três clones
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.11.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC10500122772t634.97338 N456o e.1 102182
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NERY, Felipe Uassurê; GONÇALVES, Antonio Natal. Otimização do crescimento e desenvolvimento de teca (Tectona grandis Linn f.) in vitro. 2011.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-14022012-111053/ >.
    • APA

      Nery, F. U., & Gonçalves, A. N. (2011). Otimização do crescimento e desenvolvimento de teca (Tectona grandis Linn f.) in vitro. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-14022012-111053/
    • NLM

      Nery FU, Gonçalves AN. Otimização do crescimento e desenvolvimento de teca (Tectona grandis Linn f.) in vitro [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-14022012-111053/
    • Vancouver

      Nery FU, Gonçalves AN. Otimização do crescimento e desenvolvimento de teca (Tectona grandis Linn f.) in vitro [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-14022012-111053/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: