Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo da imunorreatividade da proteína S100β no hipocampo e núcleo do trato solitário de ratos neonatos submetidos à anóxia (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ALLEMANDI, WILMA - ICB
  • USP Schools: ICB
  • Sigla do Departamento: BMA
  • Subjects: ANÓXIA FETAL; ASTRÓCITOS; SISTEMA NERVOSO CENTRAL; RATOS; IMUNOHISTOQUÍMICA; ONTOGENIA
  • Keywords: WESTERN BLOT; GFAP; S100β
  • Language: Português
  • Abstract: Agressões nos períodos críticos do crescimento do sistema nervoso podem modificar os eventos de desenvolvimento. Entre os vários fatores nocivos está a anóxia. O organismo do neonato tem suprimento de energia anaeróbica relativamente rica, foi observado que a acidose ocorre com menor facilidade, propiciam sobrevivência. A proteína de astrócitos, S100β, exerce efeitos parácrinos e autócrinos em neurônios e glia. Sua estimulação promove sobrevivência e proteção neuronal, atuando como fator trófico e neurotrófico. Modelo animal de anóxia neonatal desenvolvido em nosso laboratório, nos revelou ativação neural pela expressão de Fos e alterações comportamentais, o que nos instigou a explorar os efeitos da anóxia nas células da glia no Hipocampo e Núcleo do Trato Solitário. Para sua exposição à anoxia, durante 25 minutos, foi utilizada câmara, saturada com nitrogênio gasoso 100%. Grupos P2 e P7 nas condições: Basal (B), sem estimulo; Sham (S) como controle experimental e Anóxia (A) com falta de oxigênio, foram analisados por S100β-IR com técnicas ABC/DAB e Western blot. Observamos significante diferença de S100β-IR no núcleo do trato solitário, somente no grupo P2 A 2 h em relação ao grupo P2 S 2 h. A reatividade glial de S100β na formação hipocampal (CA1, CA3+CA2 e DG), apresentou diferença significante no grupo anoxia de acordo com o estágio de maturação do animal. A técnica por Western blot em toda a formação hipocampal, apresentou aumento de S100β no grupo A em ambos P2 e P7, a avaliação de um todo foi diferente daquela de áreas especificas.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.02.2012
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ICB12100077872T-ICB BMA QM23 A424ei 2012
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALLEMANDI, Wilma; NOGUEIRA, Maria Inês. Estudo da imunorreatividade da proteína S100β no hipocampo e núcleo do trato solitário de ratos neonatos submetidos à anóxia. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/42/42131/tde-22052012-103409/pt-br.php >.
    • APA

      Allemandi, W., & Nogueira, M. I. (2011). Estudo da imunorreatividade da proteína S100β no hipocampo e núcleo do trato solitário de ratos neonatos submetidos à anóxia. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/42/42131/tde-22052012-103409/pt-br.php
    • NLM

      Allemandi W, Nogueira MI. Estudo da imunorreatividade da proteína S100β no hipocampo e núcleo do trato solitário de ratos neonatos submetidos à anóxia [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/42/42131/tde-22052012-103409/pt-br.php
    • Vancouver

      Allemandi W, Nogueira MI. Estudo da imunorreatividade da proteína S100β no hipocampo e núcleo do trato solitário de ratos neonatos submetidos à anóxia [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/42/42131/tde-22052012-103409/pt-br.php