Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

A influência da escoliose idiopática do adolescente e do seu tratamento cirúrgico sobre o equilíbrio semi-estático (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SANTIAGO, HILDEMBERG AGOSTINHO ROCHA DE - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RAL
  • Subjects: ESCOLIOSE; REABILITAÇÃO
  • Keywords: Ângulo de Cobb; Centro de pressão; Equilíbrio semi-estático; Center of pressure; Cobb angle; Scoliosis; Semi-static balance
  • Language: Português
  • Abstract: A escoliose idiopática do adolescente (EIA) é uma deformidade da coluna vertebral que acomete indivíduos entre 10 e 19 anos de idade, caracteriza-se por desvios das curvas nos planos frontal e sagital, e rotação intervertebral no plano axial. Devido a sua natureza tridimensional apresenta alterações biomecânicas que geram adaptações em músculos e ligamentos da coluna vertebral, alterando suas funções no controle postural. O tratamento cirúrgico visa corrigir os desvios e manter as curvas no plano sagital, através de artrodeses. Com base nesses conceitos, o objetivo do estudo foi avaliar a influência da escoliose idiopática do adolescente, e da sua correção cirúrgica, sobre o equilíbrio semi-estático. Participaram do estudo 30 adolescentes divididas em dois grupos: Grupo Controle (GC) [n=15], idade média de 15,13 ± 1,59 anos, massa corporal de 51,22 i 2,5Kg e estatura de 159 + 3cm, e Grupo Escoliose (GE) [n=15] com média de idade de 15 + 1,64 anos, massa corporal de 46,1 ± 3,26Kg e estatura de 156 ± 3cm; das quais foi mesurada a oscilação do centro de pressão a partir de uma plataforma de força avaliando as variáveis: desvio antero-posterior (DAP); desvio médio-lateral (DML); velocidade antero-posterior (VAP); velocidade médio-lateral (VML) e área (Aí). O GC realizou a avaliação do equilíbrio semi-estático em um único momento, enquanto o GE realizou a avaliação do equilíbrio semi-estático no momento pré-operatório (PRÉ) e no 7°, 30°, 60° e 90° dia de pós-operatório (PO). Foi avaliado o grau de correção da curvatura e a relação entre número de vértebras artrodesadas e a oscilação corporal. O equilíbrio semi-estático foi avaliado nas 4 posições de Romberg (P1 - pés separados, P2 - pés unidos, P3 - série parcial e P4 - série completa) nas condições olhos abertos (AO) e olhos fechado (OF). Os resultados mostram que o GE apresentou uma redução média de 49,8°para a curva torácica e 18,14° para as lombares. O número de vértebras artrodesadas foi de 11,26 ± 1,7. O GE apresentou maior oscilação que o GC, com diferença significativa nas quatro variaveis estudadas (DAP, DML, VAP, VML e ‘A POT. 2’) e em todas as posições/condições. Com base nos resultados verificou-se que o GE oscila mais que o GC tanto no pré-operatório como nos momentos pós-operatório. Na comparação entre as posições, GE oscilou mais no sentido AP em P1 e no sentido ML em P4, também obteve maior valor para a Aí. Para a VAP P2 foi a mais desafiadora e para VML foi P4. Os dados apontam para uma diminuição gradativa da oscilação com o passar dos dias de PO, porém no 90° dia o GE ainda apresenta valores superiores ao momento PRÉ. Portanto, os resultados mostram que a escoliose afeta o controle postural e que no 90° dia pós-cirúrgico a oscilação postural ainda se apresenta superior ao período pré-operatório, e que pode estar associado a um comprometimento sensório-motor ou a um problema de integração sensorial pré-existente, também relacionado as alterações biomecânicas decorrentes da cirurgia e seu efeito agudo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.12.2011
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTIAGO, Hildemberg Agostinho Rocha de; ABREU, Daniela Cristina Carvalho de. A influência da escoliose idiopática do adolescente e do seu tratamento cirúrgico sobre o equilíbrio semi-estático. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-04012017-140212/ >.
    • APA

      Santiago, H. A. R. de, & Abreu, D. C. C. de. (2011). A influência da escoliose idiopática do adolescente e do seu tratamento cirúrgico sobre o equilíbrio semi-estático. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-04012017-140212/
    • NLM

      Santiago HAR de, Abreu DCC de. A influência da escoliose idiopática do adolescente e do seu tratamento cirúrgico sobre o equilíbrio semi-estático [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-04012017-140212/
    • Vancouver

      Santiago HAR de, Abreu DCC de. A influência da escoliose idiopática do adolescente e do seu tratamento cirúrgico sobre o equilíbrio semi-estático [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-04012017-140212/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019