Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação dos parâmetros clínico, histopatológico e imunoistoquímico dos tumores odontogênicos queratocísticos associados ou não à Síndrome do Carcinoma basocelular nevóide (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BOMFIN, LUANA ESCHHOLZ - FO
  • USP Schools: FO
  • Sigla do Departamento: ODE
  • Subjects: TUMORES ODONTOGÊNICOS; SÍNDROME DO NEVO BASOCELULAR; PATOLOGIA BUCAL; CISTO PRIMORDIAL
  • Keywords: Queratocisto; Síndrome de Gorlin; Síndrome do Carcinoma Nevóide Basocelular; Tumor Odontogênico Queratocístico
  • Language: Português
  • Abstract: O Tumor Odontogênico Queratocístico (TOQC) é uma lesão de origem odontogênica que se apresenta exclusivamente nos ossos gnáticos e possui alto potencial de agressividade local. Pode estar associado à Síndrome do Carcinoma Nevóide Basocelular (SCNBC), que se caracteriza por apresentar inúmeras alterações de desenvolvimento, múltiplos carcinomas basocelulares (CBCs) além de anormalidades esqueléticas. Cerca de 65 a 100% dos pacientes com a síndrome podem apresentar múltiplos TOQCs. Objetivo. Avaliar e correlacionar os achados clínicos, histopatológico e expressão imunoistoquímica (IQ) dos marcadores de prognóstico (p53 e ki-67) e de histogênese tumoral (Citoqueratinas 14, 17 e 19) em TOQCs associados ou não à SCNBC diagnosticados entre 1970 e 2009 no Hospital AC Camargo, São Paulo. Pacientes e Métodos. Estudo retrospectivo em que foram avaliados 74 pacientes, 60 não portadores da SCNBC (Grupo 1) e 14 portadores da SCNBC (Grupo 2). Os dados clínicos dos pacientes foram obtidos a partir dos prontuários médicos e sumarizados em fichas clínicas padronizadas para o estudo. Os pacientes do Grupo 1 apresentaram 61 TOQCs primários e 15 TOQCs recorrentes. O Grupo 2 apresentou 31 TOQCs primários e 8 recorrentes. Resultados. No Grupo 1, houve predomínio de pacientes nas 3ª e 4ª décadas de vida e no Grupo 2, na 2ª década (p = 0.02). De acordo com o sexo, houve predileção pelas mulheres em ambos os Grupos (53,33% no Grupo 1 e 64,29% no Grupo 2). A mandíbula foi mais (Continua)(Continuação) frequentemente acometida nos dois Grupos (81,96% no Grupo 1 e 58,06% no Grupo 2). Contudo, a discrepância em relação à distribuição entre mandíbula e maxila foi menor no Grupo 2 (p = 0.009). O padrão radiográfico multilocular foi mais frequente no Grupo 1 (39,34%) e unilocular no Grupo 2 (48,39%) (p = 0.008). A associação de enucleação e curetagem foi frequentemente realizada em ambos os Grupos (55,74% no Grupo 1 e 96,78 no Grupo 2). A taxa de recorrência foi de 21,31% no Grupo 1 e 22,58% no Grupo 2. As manifestações clínicas mais comuns dos pacientes com SCNBC foram CBCs, calcificação da foice cerebral e pits palmares. De acordo com a análise imunoistoquímica dos marcadores CQ 14, CQ 17, CQ 19, p53 e ki-67, não foram observadas diferenças no padrão de expressão entre os Grupos de TOQCs avaliados. Conclusões. Os TOQCs associados à SCNBC acometem mais frequentemente indivíduos do sexo feminino e em idade mais precoce do que os TOQCs esporádicos. Múltiplos TOQCs foram frequentemente observados em pacientes sindrômicos e consequentemente houve menor discrepância em relação à distribuição entre mandíbula e maxila. O aspecto radiográfico unilocular é mais frequente em TOQCs associados à SCNBC e multilocular em TOQCs esporádicos. As taxas de recorrências foram similares em TOQCs associados e não associados à SCNBC
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.10.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FO11500014359T4.634
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BOMFIN, Luana Eschholz; ALVES, Fábio de Abreu. Avaliação dos parâmetros clínico, histopatológico e imunoistoquímico dos tumores odontogênicos queratocísticos associados ou não à Síndrome do Carcinoma basocelular nevóide. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23141/tde-15032012-162045/ >.
    • APA

      Bomfin, L. E., & Alves, F. de A. (2011). Avaliação dos parâmetros clínico, histopatológico e imunoistoquímico dos tumores odontogênicos queratocísticos associados ou não à Síndrome do Carcinoma basocelular nevóide. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23141/tde-15032012-162045/
    • NLM

      Bomfin LE, Alves F de A. Avaliação dos parâmetros clínico, histopatológico e imunoistoquímico dos tumores odontogênicos queratocísticos associados ou não à Síndrome do Carcinoma basocelular nevóide [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23141/tde-15032012-162045/
    • Vancouver

      Bomfin LE, Alves F de A. Avaliação dos parâmetros clínico, histopatológico e imunoistoquímico dos tumores odontogênicos queratocísticos associados ou não à Síndrome do Carcinoma basocelular nevóide [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23141/tde-15032012-162045/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: