Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

O óxido nítrico e os nucleotídeos cíclicos em oócitos bovinos maturados in vitro (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SCHWARZ, KATIA REGINA LANCELLOTTI - FZEA
  • USP Schools: FZEA
  • Sigla do Departamento: ZAB
  • Subjects: OÓCITOS; BOVINOS; FERTILIZAÇÃO "IN VITRO" ANIMAL; ÓXIDO NÍTRICO; MEIOSE
  • Keywords: In vitro maturation; Maturação in vitro
  • Language: Português
  • Abstract: O óxido nítrico (NO) é um mensageiro químico gerado pela atividade da enzima óxido nítrico sintase (NOS) a qual foi detectada em vários órgãos incluído o sistema reprodutor. O sistema NOS/NO parece desempenhar papel importante na maturação oocitária entre outras funções. No entanto, apesar das evidências, há poucos estudos sobre o papel desse sistema em oócitos da espécie bovina. Sabe-se que o NO atua pela via da guanilato ciclase (GC) estimulando a produção do nucleotídeo GMPc, que por sua vez é capaz de influenciar os níveis de outro nucleotídeo, o AMPc, que é um importante elemento da via de sinalização das gonadotrofinas nos oócitos e no controle da maturação oocitária. O objetivo do presente estudo foi de investigar o envolvimento da via do GMPc na ação do sistema NOS/NO na maturação in vitro (MIV) de oócitos bovinos e seu efeito sobre a via do AMPc. Com a maior concentração estudada do doador de NO (10-7M de SNAP), apenas 36% dos oócitos conseguiram alcançar o estágio de RVG (P< 0,05), após 9 horas de maturação. Esse atraso também foi observado com diferentes concentrações do estimulador de GC (5, 10 ou 50μM de Proptoporfirina IX) e pelo análogo de GMPc (1, 2 e 4mM de 8-Br-GMPc ), que apresentaram uma taxa média de RVG de 50% para os tratamentos e 70% para os grupos controles sem as drogas (P<0,05). No início da maturação (0h), os níveis de GMPc foram de 5,29 pmol/oócito sofrendo uma queda logo na primeira hora de cultivo para 2,97 pmol nos oócitos do grupo controle e 1,54 pmol nos cultivados com associação de 10-7M de SNAP (doador de NO) e 100μM de OQD (inibidor de GC (P<0,05). No grupo de oócitos cultivados apenas com SNAP, os níveis de GMPc se mantiveram em 4,51 pmol/oócito, semelhante ao grupo imaturo (0h de cultivo, P>0,05). O doador de NO manteve estável o nível de GMPc somente na primeira hora de maturação. Após 3 e 6 h de MIV,os níveis de GMPc permaneceram baixos e similares (0,07 a 2,46 pmol/oócito, P>0,05) nos grupos controle (sem drogas), tratado com doador de NO (10-7M de SNAP) associado ou não ao inibidor de guanilato ciclase (100μM de OQD). Também foi observada uma queda nos níveis de AMPc em relação ao grupo imaturo (32,42 fmol de AMPc/oócito) para os demais grupos (P<0,05), que apresentaram aproximadamente, 12,0 a 16,0 fmol de AMPc/oócito durante a primeira hora, 3,3 a 8,0 fmol/oócito durante a terceira hora e 7,4 a 18,3 durante a sexta hora de maturação (P>0,05). O NO afetou os níveis de GMPc no início da maturação, mas não os níveis de AMPc. O NO e o GMPc podem atuar no controle da expressão gênica de uma série de proteínas envolvidas no controles dos níveis de AMPc e GMPc ou suas funções. Esse controle pode ser efeito direto do NO (PKG2, PDE3A, PDE4D e PDE8A), do GMPc (ADCY6) ou do NO via GMPc (PKA1) e varia com o compartimento considerado (oócito ou células do cumulus). Esses resultados demonstraram a inter-relação das vias NO/GMPc/AMPc e toda a sua complexidade dependendo do tipo celular e da fase da maturação de oócitos bovinos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.09.2011
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FZEA11400022632T.959
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SCHWARZ, Kátia Regina Lancellotti; LEAL, Cláudia Lima Verde. O óxido nítrico e os nucleotídeos cíclicos em oócitos bovinos maturados in vitro. 2011.Universidade de São Paulo, Pirassununga, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-03072012-091027/ >.
    • APA

      Schwarz, K. R. L., & Leal, C. L. V. (2011). O óxido nítrico e os nucleotídeos cíclicos em oócitos bovinos maturados in vitro. Universidade de São Paulo, Pirassununga. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-03072012-091027/
    • NLM

      Schwarz KRL, Leal CLV. O óxido nítrico e os nucleotídeos cíclicos em oócitos bovinos maturados in vitro [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-03072012-091027/
    • Vancouver

      Schwarz KRL, Leal CLV. O óxido nítrico e os nucleotídeos cíclicos em oócitos bovinos maturados in vitro [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74131/tde-03072012-091027/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: