Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Regiões regulatórias de genes HoxD posteriores: o que muda durante a evolução do número de dígitos em Gymnophthalmidae? (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OLIVEIRA, FERNANDO CIPRIANO ANDRADE - FFCLRP
  • USP Schools: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 592
  • Subjects: EMBRIOLOGIA ANIMAL; GYMNOPHTHALMIDAE; REGULAÇÃO GÊNICA
  • Language: Português
  • Abstract: Um dos principais temas de investigação dentro da biologia refere-se à compreensão da origem e evolução da variabilidade fenotípica. O autopódio tetrápode é ela estrutura particularmente interessante no contexto da elucidação de processos que originam variabilidade: apesar de sua origem única dentro em Tetrápoda, o autopódio apresenta grande miríade de formas, variando desde membros pentadáctilos até morfologias completamente ápodes em algumas linhagens de vertebrados. Os processos de perdas e reduções de estruturas do autopódio ocorreram independentemente diversas vezes e em diferentes clados de Tetrapoda. Dentro das linhagens que apresentam grande variabilidade morfológica no autopódio, a família de lagartos Gymnophthalmidae (Squamata) destaca-se por incluir desde espécies com autopódio pentadáctilo até representantes ápodes, existindo inclusive evidências de reversão da perda de dígitos na família. A compreensão dos mecanismos associados à presença dessa diversidade presume a integração de conhecimentos acerca da formação dessa estrutura no organismo, inclusive relacionados aos elementos moleculares que regulam seu desenvolvimento. Dentre esses elementos, a região regulatória denominada CsB exerce papel fundamental na regulação dos genes HoxD posteriores durante o desenvolvimento do autopódio, particularmente na formação posterior dos dígitos. Uma possível abordagem utilizada para compreender-se como essa regulação ocorre no contexto da evolução de morfologias diferentes de autopódio consiste em investigar quais são os fatores que se ligam a esses elementos regulatórios, coordenando a ativação e desativação dos genes ligados ao desenvolvimento dessa característica. O presente estudo testou a hipótese de que a diversidade fenotipica do número de dígitos em lagartos da família Gymnophthalmidae evoluiu em associação com alterações na sequência de nucleotideosdo elemento regulatório CsB, com atenção especial para as interações cis-trans representadas por sitias de ligação para fatores de transcrição preditos. Como resultado, observou-se que o fragmento de CsB analisado é relativamente conservado em Gymnophthalmidàe, confirmando um padrão já identificado entre linhagens distantes de vertebrados, mas que existem padrões na sequência de nucleotideos que são exclusivos de morfologias pentadáctilas ou de morfologias reduzidas (< 4 dígitos). Especificamente, as espécies de morfologia reduzida compartilham alguns sitias de ligação preditos para fatores de transcrição que não são observados nos gimnoftalmideos pentadáctilos, e um motif em particular (dentre 25 identificados) foi associado apenas a uma das duas linhagens de Gymnophthalminae em que morfologias reduzidas originaram-se. Em conjunto, esses resultados sugerem que a origem e evolução de morfologias não-pentadáctilas nessa família de lagartos tropicais ocorreu em associação com mudanças na sequência de nucleotideos de uma região regulatória de genes que são expressos durante a formação do autopódio no embrião
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.06.2012

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FCLRP20800046299Oliveira, Fernando Cipriano Andrade
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Fernando Cipriano Andrade; KOHLSDORF, Tiana. Regiões regulatórias de genes HoxD posteriores: o que muda durante a evolução do número de dígitos em Gymnophthalmidae?. 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012.
    • APA

      Oliveira, F. C. A., & Kohlsdorf, T. (2012). Regiões regulatórias de genes HoxD posteriores: o que muda durante a evolução do número de dígitos em Gymnophthalmidae?. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Oliveira FCA, Kohlsdorf T. Regiões regulatórias de genes HoxD posteriores: o que muda durante a evolução do número de dígitos em Gymnophthalmidae? 2012 ;
    • Vancouver

      Oliveira FCA, Kohlsdorf T. Regiões regulatórias de genes HoxD posteriores: o que muda durante a evolução do número de dígitos em Gymnophthalmidae? 2012 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: