Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Esteriótipos e Discurso: a (re)construção da imagem de minorias em revistas de nicho (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERREIRA, FILIPE MANTOVANI - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: DISCURSO; ESTEREÓTIPOS (PSICOLOGIA); REVISTAS (ANÁLISE DO DISCURSO); COGNIÇÃO; SOCIEDADE
  • Language: Português
  • Abstract: O número de publicações que se dirigem a grupos mais específicos da sociedade tem crescido de modo significativo ao longo dos últimos anos. Títulos voltados a grupos como os evangélicos ou deficientes físicos, antes inexistentes ou restritos aos guetos, tornaram-se uma realidade e são distribuídos em todo o Brasil. É nesse contexto que se inserem as revistas Raça Brasil e Junior, concebidas para atender, respectivamente, a negros e homossexuais, grupos cujo estereótipo contempla, em nossa sociedade, características e comportamentos comumente avaliados de maneira negativa. A hipótese que se investiga, neste trabalho, é a de que as revistas que se voltam a grupos desprestigiados pela sociedade busquem, por meio de seu discurso, projetar imagens positivas deles, de modo que passem a ser vistos favoravelmente por seu público leitor. A fim de averiguar a validade desta hipótese, foi utilizada a abordagem triangular de van Dijk (2006), segundo a qual a produção de sentido só pode ser concebida conforme a tríade discurso cognição sociedade seja observada. Além disso, como categorias de análise do corpus, o qual se constitui de textos extraídos de ambas as revistas, foram utilizadas as noções de nomeação, qualificação, narração, argumentação e qualificação, que compõem o processo de transformação (Charaudeau, 2009). Por meio das análises, chegou-se à conclusão de que as imagens projetadas pelas revistas, de modo geral, polemizam com as imagens estereotípicas desfavoráveis que sãoassociadas às duas minorias, sendo que a divergência entre as imagens ocorre por meio de diversos expedientes linguístico-discursivos. Isso significa que ambas as revistas, em certa medida, dão continuidade ao projeto de construção de uma autoestima minoritária que caracterizava as publicações alternativas que lhes precederam. Concluiu-se, ademais, que os estereótipos negativos de negros e homossexuais funcionam como balizas que moldam de forma significativa os discursos de ambas as revistas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 31.07.2012
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERREIRA, Filipe Mantovani; AQUINO, Zilda Gaspar Oliveira de. Esteriótipos e Discurso: a (re)construção da imagem de minorias em revistas de nicho. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-26102012-101807/ >.
    • APA

      Ferreira, F. M., & Aquino, Z. G. O. de. (2012). Esteriótipos e Discurso: a (re)construção da imagem de minorias em revistas de nicho. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-26102012-101807/
    • NLM

      Ferreira FM, Aquino ZGO de. Esteriótipos e Discurso: a (re)construção da imagem de minorias em revistas de nicho [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-26102012-101807/
    • Vancouver

      Ferreira FM, Aquino ZGO de. Esteriótipos e Discurso: a (re)construção da imagem de minorias em revistas de nicho [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8142/tde-26102012-101807/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019