Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação da citotoxicidade e da genotoxicidade da mistura da clorexidina com hipoclorito de sódio sobre diferentes linhagens celulares (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: AZAMBUJA JUNIOR, NILTON - FO
  • USP Schools: FO
  • Sigla do Departamento: ODD
  • Subjects: ENDODONTIA; TRATAMENTO DO CANAL RADICULAR; CULTURA DE CÉLULAS; CLOREXIDINA; HIPOCLORITO DE SÓDIO; BIOMATERIAIS
  • Keywords: Preparo de Canal Radicular; Testes para Micronúcleos; Viabilidade Celular
  • Language: Português
  • Abstract: O uso de irrigação com solução de hipoclorito de sódio a 1 % (NaOCI) seguida de irrigação final com solução de clorexidina a 2%(CHX) pode promover uma melhor antissepsia do sistema de canais radiculares do que as abordagens tradicionais. Já foi relatado que estas substâncias quando entram em contato dentro do sistema de canais radiculares produzem subprodutos a partir de sua mistura, que apresentam uma fase líquida e uma fase sólida precipitada que permanece nas paredes do canal radicular. Sua ação citotóxica em cultura de células ainda não foi estudada. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito desta mistura e seus subprodutos in vitro sobre a viabilidade celular. Para avaliar se o grau de diferenciação pode afetar a sobrevivência celular foram escolhidas para o experimento fibroblastos de gengiva humana (FMM1) que são células mais diferenciadas e células-tronco de polpa dentária humana (POH3) menos diferenciadas. Métodos: partes iguais de soluções de hipoclorito 1 % (NaOCI) e digluconato de clorexidina 2% (CHX) foram misturadas e os subprodutos obtidos. Os grupos experimentais testados foram: G1- CHX, G2- NaOCI + CHX(fase líquida), G3- NaOCI + CHX(fase sólida). Quatro(4) diferentes concentrações (100%,1%,0,5% e 0,25%) das substâncias de G1 e G2 e do meio de cultivo condicionado pelo G3, foram aplicadas às culturas de células. A viabilidade celular foi mensurada pelo teste de redução do MTI (n=24/concentração/substância/células) e a genotoxicidade através de contagem de micronúcleos apenas para as concentrações das substâncias de 0,5% e 0,25% (número de micronúcleos/1000 células em cada contagem, 2 contagens), ambos em 24 horas após o contato de 15 minutos com as substâncias testadas. Os dados foram analisados por ANOVA complementado por teste de Tukey(p<0,05) para o MTI e qui-quadrado para genotoxicidade. (Continua)(Continuação) Como resultados da viabilidade celular a dose letal de 50%(OL50) ocorreu apenas nas concentrações menores que 5% no G1, e ao redor de 1 % para G2 e G3. Como resultados do teste de genotoxicidade os mesmos números de micronúcleos foram encontrados para todos os grupos em duas contagens de 1000 células. As células PDH3 apresentaram maior viabilidade que a FMM1 com maior número de células em concentrações maiores das substâncias testadas, demonstrando maior resistência de células menos diferenciadas. Como não houve diferença estatística no número de micronúcleos entre os grupos do teste de genotoxicidade inferimos que não houve aumento do número de micronúcleos entre os grupos de teste e o controle. Portanto, a solução de CHX a 2% quando aplicada sobre as células em cultura in vitro não foi biocompatível em concentrações de diluição acima de 0,5%; não foi genotóxica, pois não houve aumento na formação de micronúcleos nem com o grupo da clorexidina nem com a fase líquida da mistura ou com o precipitado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.09.2012
  • Acesso online ao documento

    Acesso à fonte or search this record in

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      AZAMBUJA JUNIOR, Nilton; MARQUES, Marcia Martins. Avaliação da citotoxicidade e da genotoxicidade da mistura da clorexidina com hipoclorito de sódio sobre diferentes linhagens celulares. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23145/tde-15012013-154122/ >.
    • APA

      Azambuja Junior, N., & Marques, M. M. (2012). Avaliação da citotoxicidade e da genotoxicidade da mistura da clorexidina com hipoclorito de sódio sobre diferentes linhagens celulares. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23145/tde-15012013-154122/
    • NLM

      Azambuja Junior N, Marques MM. Avaliação da citotoxicidade e da genotoxicidade da mistura da clorexidina com hipoclorito de sódio sobre diferentes linhagens celulares [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23145/tde-15012013-154122/
    • Vancouver

      Azambuja Junior N, Marques MM. Avaliação da citotoxicidade e da genotoxicidade da mistura da clorexidina com hipoclorito de sódio sobre diferentes linhagens celulares [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/23/23145/tde-15012013-154122/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2019