Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Sazonalidade da atividade cambial em lianas (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LIMA, ANDRÉ CARVALHO - IB
  • USP Schools: IB
  • Sigla do Departamento: BIB
  • Subjects: SAZONALIDADE; XILEMA; SISTEMA VASCULAR DE PLANTAS; CRESCIMENTO VEGETAL; MUDANÇA CLIMÁTICA
  • Keywords: Atividade cambial; Camadas de crescimento; Cambial activity; Cambial variation; Growth rings; Lianas; Lianas; Seasonality; Variação cambial
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução e objetivos Apesar de ser um importante componente estrutural de florestas tropicais e causar impactos na dinâmica e funcionamento destas florestas, pouco se sabe sobre a sazonalidade do crescimento de lianas em seu ambiente natural. Lianas ainda possuem uma rica diversidade de arranjos de tecidos vasculares em seus caules devido à presença de variações cambiais. Neste contexto, o presente trabalho teve como objetivo analisar a sazonalidade da atividade cambial e da diferenciação do xilema de três espécies de lianas pertencentes a famílias com maior diversidade do hábito nos neotrópicos e com diferentes configurações em seus sistemas vasculares caulinares, Stizophyllum riparium (Bignoniaceae), Dalbergia frutescens (Leguminosae) e Serjania laruotteana (Sapindaceae), bem como verificar se há relação entre a sazonalidade da atividade cambial e a sazonalidade da pluviosidade; e se há a formação de camadas de crescimento anuais no xilema. Métodos A sazonalidade da atividade cambial e da diferenciação do xilema foi estudada através de coletas periódicas de porções caulinares ao longo de um ano, correlacionando-se esses dados com a pluviosidade. Resultados As três espécies apresentaram sazonalidade nas suas atividades cambiais, correlacionada com a pluviosidade. S. riparium e D. frutescens apresentam um período de atividade cambial de cerca de seis meses, com início no pico do período chuvoso, e um período de dormência no resto do ano. S. laruotteana apresenta atividadecambial contínua ao longo do ano, com um pico de atividade relacionado com o período chuvoso. O câmbio não apresenta atividade contínua por toda sua extensão nas três espécies, sendo que as variações cambiais de S. riparium e S. laruotteana tem grande influência, respectivamente, sobre as regiões onde a atividade cambial se inicia e tem maior intensidade. Camadas de crescimento anuais são formadas no xilema secundário de S. riparium e S. laruotteana. Quando a atividade cambial não se estende por toda circunferência do caule, camadas de crescimento confluentes são formadas. Conclusões A espécies apresentam sazonalidade na atividade cambial correlacionada com a pluviosidade. Entretanto, os diferentes padrões de atividade cambial encontrados são espécie-específicos, e não podem ser explicados apenas pela pluviosidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.12.2012
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    IB12000029003M-1684
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LIMA, André Carvalho; ANGYALOSSY, Veronica. Sazonalidade da atividade cambial em lianas. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-03042013-085035/ >.
    • APA

      Lima, A. C., & Angyalossy, V. (2012). Sazonalidade da atividade cambial em lianas. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-03042013-085035/
    • NLM

      Lima AC, Angyalossy V. Sazonalidade da atividade cambial em lianas [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-03042013-085035/
    • Vancouver

      Lima AC, Angyalossy V. Sazonalidade da atividade cambial em lianas [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41132/tde-03042013-085035/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: