Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Avaliação das subpopulações de linfócitos TCD4+, TCD8+ e da razão TCD4+: TCD8+ na pré, trans e pós terapia em cães com demodicidose generalizada (2010)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OLIVEIRA, CAMILA DOMINGUES DE - FMVZ
  • USP Schools: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VCM
  • Subjects: DERMATOPATIAS EM ANIMAL; DOENÇAS PARASITÁRIAS EM ANIMAIS
  • Keywords: Animal demodectic mange; Cães; Citometria de fluxo; Dogs; Flow Cytometry; Linfócitos T; Sarna demodécica animal; T Lymphocytes
  • Language: Português
  • Abstract: A demodicidose é uma importante dermatopatia parasitária em cães. É decorrente da proliferação excessiva de ácaros comensais do gênero Demodex sp no tegumento canino. A manifestação clínica da demodicidose juvenil generalizada têm sido associada à disfunção imune hereditária de linfócitos T específica ao parasita, enquanto que, a demodicidose do aduto pode ser consequente a doenças imunossupressoras. A resposta imune celular é considerada crucial na defesa contra o parasita e, encontra-se comprometida em cães com demodicidose. Com o escôpo de se determinar se linfócitos sanguíneos periféricos, TCD4+, TCD8+ e a razão TCD4+:TCD8+ são bons indicadores da evolução clínica da doença e do estado imune de cães demodicidose generalizada, tais parâmetros foram quantificados em 16 animais com demodicidose generalizada, na pré, trans e pós terapia, e em outros 30 animais hígidos, utilizando-se da técnica de citometria de fluxo. Para as análises estatísticas comparativas, foram padronizados quatro momentos de observação dos animais com demodicidose, a saber: primeira consulta: quando do estabelecimento do diagnóstico; segunda consulta; consulta de obtenção do primeiro exame parasitológico negativo e, finalmente, naquela de estabelecimento da alta clínica, preconizada quando da ausência de evidenciação do ácaro no exame parasitológico cutâneo, por três consultas consecutivas. Os valores absolutos médios de linfócitos totais, linfócitosTCD4+ e TCD8+ nos animais com demodicidose, mostraram-se inferiores àqueles do Grupo Controle em todos os momentos de observação. Somente os valores absolutos de linfócitos TCD4+, apresentaram diminuição significativa, em relação ao Grupo Controle, no momento da primeira consulta. Entre o Grupo Experimental, foi observado elevação signficativa entre os valores absolutos dos linfócitos totais, TCD4+ e TCD8+, entre a primeira consulta e aquela de obtenção do primeiro exame parasitológico negativo, quando estes valores se aproximaram daqueles observados no Grupo Controle. Paralelamente, evidenciou-se alta correlação da elevação dos número absoluto médio dos linfócitos TCD4+ e TCD8+, com a diminuição da contagem de ácaros. A razão TCD4+:TCD8+, não diferiu significativamente entre o Grupo Controle e Experimental. O tratamento da demodicidose não alterou a razão TCD4+: TCD8+. Não foi observado correlação entre o período necessário para o estabelecimento da alta clínica e a razão TCD4+:TCD8+. O comportamento dos linfócitos sanguíneos periféricos TCD4+, TCD8+, e da razão TCD4+:TCD8+, demonstra que a participação de outros mecanismos, que não a franca alteração destas subpopulações, sejam importantes na patogenia da doença. Em linhas gerais, não foram observadas diferenças significativas, nos valores dos linfócitos TCD4+, TCD8+ e a razão TCD4+:TCD8+, entre os animais do Grupo Controle, e os animais com demodicidose generalizada , de forma que, o uso da determinação destes parâmetros, é desaconselhado no monitoramento da evolução clínica e no estabelecimento do prognóstico, nos animais com demodicidose generalizada
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.07.2010
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMVZ11300056715T.2281 FMVZ
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Camila Domingues de; LARSSON, Carlos Eduardo. Avaliação das subpopulações de linfócitos TCD4+, TCD8+ e da razão TCD4+: TCD8+ na pré, trans e pós terapia em cães com demodicidose generalizada. 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28022012-154459/ >.
    • APA

      Oliveira, C. D. de, & Larsson, C. E. (2010). Avaliação das subpopulações de linfócitos TCD4+, TCD8+ e da razão TCD4+: TCD8+ na pré, trans e pós terapia em cães com demodicidose generalizada. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28022012-154459/
    • NLM

      Oliveira CD de, Larsson CE. Avaliação das subpopulações de linfócitos TCD4+, TCD8+ e da razão TCD4+: TCD8+ na pré, trans e pós terapia em cães com demodicidose generalizada [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28022012-154459/
    • Vancouver

      Oliveira CD de, Larsson CE. Avaliação das subpopulações de linfócitos TCD4+, TCD8+ e da razão TCD4+: TCD8+ na pré, trans e pós terapia em cães com demodicidose generalizada [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28022012-154459/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: