Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Romanidade em Plinio, o Antigo, e a Naturalis História como um 'projeto' político-pedagógico (2013)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: TEIXEIRA, IVANA LOPES - FFLCH
  • USP Schools: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Subjects: HISTORIOGRAFIA; RETÓRICA; HISTÓRIA NATURAL
  • Keywords: Arte e cultura imperial; Imperial art and culture; Natural history; Naturalis historia; Political rhetoric; Retórica política; Romanidade; Romanness
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo da pesquisa, Romanidade em Plínio, o Antigo, e a Naturalis Historia como um projeto político-pedagógico, consiste em analisar a Naturalis Historia (49-77 d.C.) como um discurso produzido dentro de um contexto sócio-histórico, onde Plínio, o Antigo (23-79 d.C.), reelaborou, baseado na tradição latina e grega, um ideal de romanidade, e ler esta romanidade a partir da problemática das identidades no mundo antigo greco-romano. No século I, num Império cada vez mais multicultural e multiétnico, a Pax proporcionada pela ascensão do governo de Vespasiano (69-79 d.C.), da dinastia dos Flávios, ampliou um processo de romanização do qual Plínio participou como intelectual e funcionário do círculo do poder, apresentando a Naturalis Historia como um thesauros ou memória, romano-itálica e grega, da grandeza de Roma e do Império. Nossa hipótese propõe a leitura integral da Naturalis Historia - enfatizando a análise do prefácio e dos livros 2 e 33 até 37 da História Natural - como um projeto político-pedagógico ou ideológico de Plínio, onde a romanidade pode ser lida como uma noção de identidade em Plínio, que se apresenta como supraétnica ou como modelo ideal de conduta imperial: política, econômica, social, cultural e moral. Através do discurso de Plínio, suas fontes e retórica de escrita e leitura ou de perspectivas de alcance do seu texto, de um ideal de romanitas e humanitas latinas, do contexto histórico de elaboração da obra e das teorias modernas sobre as identidadessociais no mundo antigo, propomos refletir sobre a romanidade como uma ideia de identidade romana, que rehierarquizou e reordenou o mundo imperial, a partir da cidade de Roma, dos costumes, da arte grega e da corte de Vespasiano, o novo Augusto. A Naturalis Historia como Enkyklios Paideia foi portadora de um thesauros, que repropôs a importância dos valores tradicionais romanos, enquanto descreveu a contemporaneidade ou conjuntura histórica do tempo de Plínio, o Antigo, o Principado dos Júlio-claudios ao de Vespasiano, de crises, Pax e integração cada vez maior de povos diversos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.04.2013
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FFLCH2393136-2012102N
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TEIXEIRA, Ivana Lopes; GUARINELLO, Norberto Luiz. Romanidade em Plinio, o Antigo, e a Naturalis História como um 'projeto' político-pedagógico. 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06062013-125312/ >.
    • APA

      Teixeira, I. L., & Guarinello, N. L. (2013). Romanidade em Plinio, o Antigo, e a Naturalis História como um 'projeto' político-pedagógico. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06062013-125312/
    • NLM

      Teixeira IL, Guarinello NL. Romanidade em Plinio, o Antigo, e a Naturalis História como um 'projeto' político-pedagógico [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06062013-125312/
    • Vancouver

      Teixeira IL, Guarinello NL. Romanidade em Plinio, o Antigo, e a Naturalis História como um 'projeto' político-pedagógico [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-06062013-125312/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: