Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Silenciamento do gene HIF1A na linhagem de meduloblastoma exposta ao ambiente de hipóxia (2013)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: CRUZEIRO, GUSTAVO ALENCASTRO VEIGA - FMRP
  • USP Schools: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPP
  • Subjects: NEOPLASIAS DA MEDULA ESPINHAL; GENES; ANÓXIA
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: O meduloblastoma (MB) é o tumor cerebral maligno mais prevalente em crianças, que se desenvolve a partir de células-tronco precursoras neurais da camada granular do cerebelo. Os pacientes com meduloblastoma são divididos em grupos com base na idade, grau de ressecção e disseminação da doença. A hipóxia é um estado de redução da tensão de oxigênio e ocorre naturalmente em diversos processos fisiológicos. No entanto, há também situações patológicas em que o estado de hipóxia também pode estar presente, como por exemplo, na isquemia cerebral ou pulmonar e no câncer. Este estado fisiológico induz a síntese de HIF1A, um fator de transcrição que promove a expressão de genes próangiogênicos como o VEGF e outros genes relacionados a prognósticos ruins, como SLC2AI (facilitador transportador de glicose), CA9 (Anidrase carbónica). Objetivos: avaliar a expressão de mRNA de HIFIA e dos genes regulados por HIF1: CÀ9, SLC2A1 e VEGF na linhagem de meduloblastoma pediátrica UW402 submetidas às condições de normóxia e hipóxia, silenciar a expressão, através de siRNA, o gene HIFIA na linhagem UW402 submetida à hipóxia e avaliar a expressão de RNAm dos genes CA9, SLC2A1 e VEGF póssilenciamento. Avaliar HIF1A como alvo terapêutico. Metodologia: A linhagem celular UW402 foi cultivado em meio HAM F10 e submetida a hipóxia 2,0% durante 12 horas. Outros foram tratados com reagentes miméticos de hipóxia cloreto de cobalto (Co‘Cl IND. 2’) e desferroxamina (DFX) numa concentração de 50 ‘mü’ M em 24 horas de exposição. Para a rqPCR foram utilizadas sondas Taqman® para o genes HIFIA, VEGF, SLC2AI e CA9 e controles endógenos 18S e HPRT. Os ensaios de proliferação foram realizados utilizando o kit XTT (SIGMA®). O silenciamento foi realizado utilizando o oligo de siRNA de HIFIA e sirva scambles (Ambion®) para o controle e o agente de transfecção lipofectamina2000.A transfecção foi avaliado após 24 horas. O silenciamento foi realizado em placas de 6 poços enquanto o ensaio de proliferação foi realizado em placas 96 poços. Foi realizado Western blot utilizando anti-corpo anti-HIFlA da Abcam e controle GAPDH. Para todos ensaios funcionais houveram 3 experimentas independentes para o teste de ANOVA no programa Package SPSS Statistics 17.0. Resultados: O tratamento selecionado para a exposição à hipóxia foi a utilização do Co‘Cl IND. 2’. Após a exposição houve um aumento na expressão de HIFIA, VEGF SLC2AI e CA9. O silenciamento de HIFIA atingiu 88% de eficiência havendo diminuição na expressão da proteína HIF1A e diminuição na expressão de mRNA de VEGF, SLC2A1 e CA9. Ocasionou redução na taxa de proliferação em 30%. Conclusão: Este estudo sugere que este fator de transcrição pode ser um alvo-terapêutico importante a ser estudado, pois este está conectado em diversas vias regulatórias que participam de processos fundamentais envolvidos no processo de carcinogênese
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.06.2013

  • Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FMRP11200065764Cruzeiro, Gustavo Alencastro Veiga
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CRUZEIRO, Gustavo Alencastro Veiga; VALERA, Elvis Terci. Silenciamento do gene HIF1A na linhagem de meduloblastoma exposta ao ambiente de hipóxia. 2013.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2013.
    • APA

      Cruzeiro, G. A. V., & Valera, E. T. (2013). Silenciamento do gene HIF1A na linhagem de meduloblastoma exposta ao ambiente de hipóxia. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Cruzeiro GAV, Valera ET. Silenciamento do gene HIF1A na linhagem de meduloblastoma exposta ao ambiente de hipóxia. 2013 ;
    • Vancouver

      Cruzeiro GAV, Valera ET. Silenciamento do gene HIF1A na linhagem de meduloblastoma exposta ao ambiente de hipóxia. 2013 ;