Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Propagação de Eucalyptus cloeziana F. Muell (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OLIVEIRA, LEANDRO SILVA DE - ESALQ
  • USP Schools: ESALQ
  • Subjects: EUCALIPTO; MICROPROPAGAÇÃO VEGETAL; ORGANOGÊNESE VEGETAL; REGULADORES DE CRESCIMENTO VEGETAL
  • Keywords: Brotações epicórmicas; Enraizamento adventício; Explantes; Regeneração in vitro
  • Language: Português
  • Abstract: O Eucalyptus cloeziana se destaca pelas propriedades tecnológicas da sua madeira, principalmente em razão da sua durabilidade, densidade e resistência. Entretanto, essa espécie apresenta limitações quanto ao enraizamento adventício de estacas, dificultando a obtenção de mudas clonais e o avanço nos programa de melhoramento da espécie. Nesta perspectiva, o presente trabalho teve por objetivo avaliar a micropropagação de E. cloeziana a partir de materiais juvenis e adultos como uma técnica para a propagação da espécie. Para tanto, o trabalho foi dividido em quatro partes. No primeiro estudo, estabeleceu-se um protocolo de organogênese indireta de E. cloeziana a partir de hipocótilos e cotilédones. No segundo estudo avaliou-se o resgate de matrizes adultas de E. cloeziana através da indução de brotações epicórmicas em megaestacas. No terceiro estudo definiu-se um protocolo de micropropagação via proliferação de gemas axilares de matrizes adultas de E. cloeziana. Por último, no quarto estudo avaliou-se o rejuvenescimento in vitro de matrizes adultas de E. cloeziana por meio da micropropagação via proliferação de gemas axilares e a microestaquia, a partir das matrizes rejuvenescidas in vitro,para comprovar a viabilidade do cultivo in vitro como alternativa de propagação da espécie. A organogênese indireta de E. cloeziana mostrou-se possível e dependente do tipo de explante, dos reguladores de crescimento, suas concentrações e combinações utilizadas nas diferentes fases demorfogênese. As brotações adventícias foram micropropagadas e aclimatizadas com sucesso, obtendo-se mudas clonais de E. cloeziana. No resgate das matrizes adultas de E. cloeziana ocorreu maior indução de brotações epicórmicas para as megaestacas coletadas na época do ano com maior pluviosidade e temperatura. O diâmetro médio das megaestacas, compreendido entre 2,0 e 5,0 cm, correspondeu ao mais adequado para a obtenção de maior número de brotações epicórmicas no resgate das matrizes adultas de E. cloeziana. O protocolo de micropropagação das matrizes adultas de E. cloeziana foi estabelecido com sucesso, utilizando como explantes, brotações epicórmicas induzidas nas megaestacas. A multiplicação in vitro das microcepas foi realizada com êxito no meio de cultura WPM suplementado com BAP e ANA, cujas concentrações variaram entre os genótipos. Os tratamentos de "pulse" com GA3 não foi adequado para promover o alongamento in vitro das brotações, o qual foi obtido coma redução da concentração do BAP (0,1 mg L-1). A aclimatização e o enraizamento ex vitro das microestacas foi realizada com sucesso nos miniestufas, garantindo a obtenção de mudas clonais das matrizes adultas de E. cloeziana para a composição de um microjardim clonal. As microcepas das árvores matrizes de E. cloeziana apresentaram diferentes taxas de multiplicação in vitro, apresentando especificidades dos materiais genéticos à micropropagação. Os resultados da microestaquia das matrizes rejuvenescidas in vitro deE. cloeziana corroboraram as evidências de rejuvenescimento desses genótipos durante a micropropagação. Além disso, constatou-se que outros fatores, além da maturidade, podem estar atuando diretamente na recalcitrância do E. cloeziana ao enraizamento adventício. Dessa forma, comprovou-se a importância da micropropagação como uma ferramenta para a clonagem de E. cloeziana, abrindo perspectivas para investigações futuras para otimizar os métodos de propagação da espécie
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.03.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    ESABC12700014973OLIVEIRA, L. S. de
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Leandro Silva de; ALMEIDA, Marcilio de. Propagação de Eucalyptus cloeziana F. Muell. 2014.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-05052014-154718/ >.
    • APA

      Oliveira, L. S. de, & Almeida, M. de. (2014). Propagação de Eucalyptus cloeziana F. Muell. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-05052014-154718/
    • NLM

      Oliveira LS de, Almeida M de. Propagação de Eucalyptus cloeziana F. Muell [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-05052014-154718/
    • Vancouver

      Oliveira LS de, Almeida M de. Propagação de Eucalyptus cloeziana F. Muell [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11150/tde-05052014-154718/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: