Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Distâncias de viagens intrazonais: abordagem para estimativa e aplicação a um estudo de caso (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PLAZA, CONRADO VIDOTTE - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Sigla do Departamento: STT
  • Subjects: VIAGENS; CIDADES MÉDIAS; ESTUDO DE CASO
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo teve como objetivo o desenvolvimento de procedimentos para estimar distâncias de viagens intrazonais com base em dados de pesquisas origem-destino (O/D). A análise conduzida na aplicação apresentada foi baseada em dados de uma pesquisa O/D realizada na cidade de São Carlos, Brasil. A área urbana foi subdividida várias vezes para produzir 471 zonas de análise de tráfego (TAZ) para análise. A análise partiu da identificação de características geométricas das zonas de análise de tráfego (TAZ) que podem influenciar as distâncias das viagens intrazonais. Em seguida, indicadores numéricos dos padrões geométricos selecionados foram comparados com os valores médios das distâncias intrazonais, a fim de procurar por evidências de correlação entre estas variáveis. Duas abordagens analíticas foram exploradas: i) contínua e ii) descontínua. No primeiro caso, todas as viagens foram consideradas em um único conjunto de dados, enquanto que no segundo caso, o conjunto de dados foi dividido em dois subgrupos com características homogêneas. Os conjuntos de dados com maior correlação foram usados para construir modelos globais e estratificados para estimar distâncias intrazonais. Nos modelos globais, viagens a pé, de bicicleta e de automóvel foram analisadas como uma única base de dados. Nos modelos estratificados, os três modos de transporte foram considerados separadamente. Foram ajustados, também, modelos adicionais que permitam estimar as viagens por um modo de transporte específico a partir de valores globais de distâncias intrazonais. Os valores obtidos com estes modelos foram então comparados com as estimativas de outros modelos encontrados na literatura. Os modelos descontínuos aqui obtidos superaram claramente os modelos tradicionais. Isto sugere que podem constituir alternativas para substituir os modelos tradicionais para estimar distâncias médiasde viagens intrazonais, pelo menos no caso das cidades médias brasileiras
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.03.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100195176TESE 8786
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PLAZA, Conrado Vidotte; SILVA, Antônio Nélson Rodrigues da. Distâncias de viagens intrazonais: abordagem para estimativa e aplicação a um estudo de caso. 2014.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18144/tde-28052014-205551/pt-br.php >.
    • APA

      Plaza, C. V., & Silva, A. N. R. da. (2014). Distâncias de viagens intrazonais: abordagem para estimativa e aplicação a um estudo de caso. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18144/tde-28052014-205551/pt-br.php
    • NLM

      Plaza CV, Silva ANR da. Distâncias de viagens intrazonais: abordagem para estimativa e aplicação a um estudo de caso [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18144/tde-28052014-205551/pt-br.php
    • Vancouver

      Plaza CV, Silva ANR da. Distâncias de viagens intrazonais: abordagem para estimativa e aplicação a um estudo de caso [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18144/tde-28052014-205551/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: