Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

The discursive constitution of the 'management control' organisation (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BARROSO, MARCELO FRANCINI GIRãO - FEA
  • USP Schools: FEA
  • Sigla do Departamento: EAC
  • Subjects: CONTABILIDADE GERENCIAL; ORGANIZAÇÃO (ADMINISTRAÇÃO); PÓS-ESTRUTURALISMO
  • Keywords: Controle gerencial; Management accounting; Management control; Organisations-management; Post-structuralism
  • Language: Português
  • Abstract: A ideia de \'controle gerencial\' refere-se a estabilidade no ambiente organizacional, no sentido de direcionar o comportamento dos empregados em direção a um conjunto de objetivos \'organizacionais\'. Mais do que uma coleção de artefatos gerenciais, entretanto, este significante rotula um conjunto específico de objetos e práticas, os quais tipificam um regime de práticas \'controle gerencial\' ao mesmo tempo em que são direcionados, habilitados e limitados por ele. Nesse sentido, diversas lógicas sociais e políticas tipo \'controle gerencial\' são materializadas por meio desses objetos e dessas práticas e por meio do regime de práticas cristalizado, então sendo reconhecidas como lógicas constitutivas tipo \'controle gerencial\'. Ao longo do exercício dessas lógicas - instituição política de lógicas sociais - um discurso organizacional tipo \'controle gerencial\' é constituído, então constituindo a \'organização\' tipo \'controle gerencial\', então sendo experienciada como uma típica organização de \'controle gerencial\'. A organização - e a organização tipo \'controle gerencial\' - não acontece como um fenômeno aleatório, mas acontece pela constituição de discurso organizacional tipo \'controle gerencial\'. A presente tese desenvolve os argumentos visando a essa descrição essencial, trabalhando sobre teoria pós-estruturalista do discurso e seguindo um círculo retrodutivo de problematização, construção teórica e persuasão/intervenção para pesquisa em ciências sociais. Umestudo de caso foi desenvolvido na Enterprise, uma empresa metalúrgica familiar, e cinco contribuições teóricas são então propostas, considerando o processo dinâmico de constituição da organização, a diferença conceitual entre teoria do discurso e teoria institucional, o papel poderoso dos atores políticos para instituição, deinstituição e reinstituição de lógicas sociais, a relevância de usar artefatos de contabilidade gerencial como ferramentas para materialização de lógicas sociais \'controle gerencial\', e a materialização de discurso hegemônico tipo \'controle gerencial\' por meio do processo de realimentação com a articulação do regime de práticas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.04.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FEA2488482-10T658.151 B277d
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BARROSO, Marcelo Francini Girão; FREZATTI, Fabio. The discursive constitution of the 'management control' organisation. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12136/tde-01072014-120602/ >.
    • APA

      Barroso, M. F. G., & Frezatti, F. (2014). The discursive constitution of the 'management control' organisation. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12136/tde-01072014-120602/
    • NLM

      Barroso MFG, Frezatti F. The discursive constitution of the 'management control' organisation [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12136/tde-01072014-120602/
    • Vancouver

      Barroso MFG, Frezatti F. The discursive constitution of the 'management control' organisation [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12136/tde-01072014-120602/