Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Estudo e caracterização geológica e geotécnica de rejeitos de mineração: Adrianópolis (PR) (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: RAIMONDI, ISABELA MONICI - EESC
  • USP Schools: EESC
  • Subjects: LIXIVIAÇÃO; REJEITOS DE MINERAÇÃO; METAIS; TOXICIDADE DO SOLO; SOLUBILIZAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: Os rejeitos de mineração provenientes do beneficiamento do minério, quando dispostos de maneira inadequada, podem causar a contaminação do solo e das águas superficiais e subterrâneas. Dependendo do tipo de minério tratado, tais rejeitos podem conter elevadas concentrações de metais potencialmente tóxicos e passar a atuar como fontes persistentes de liberação de tais metais através dos ecossistemas. Assim sendo, a caracterização desses rejeitos é extremamente importante. Neste contexto, foram realizadas caracterizações geológicas e geotécnicas nos rejeitos de mineração provenientes da região do Vale do Ribeira (município de Adrianópolis-PR), visando avaliar o grau de mobilidade e toxicidade dos metais contidos na porção superficial deste depósito. Para tanto, foram realizadas caracterizações mineralógicas (DRX e MEV/EDS), granulométricas, determinação dos parâmetros físico-químicos (pH, Eh e CE), além de ensaios que verificaram a mobilidade, especiação química e toxicidade das amostras: ensaios de solubilização, lixiviação, ensaio de variação de pH, extração sequencial e ecotoxicidade aquática envolvendo o organismo teste Daphnia similis. Além dos rejeitos foram realizadas análises mineralógicas e determinação dos parâmetros físico-químicos em amostras de estéril. A partir destas caracterizações, foi possível verificar que a composição mineralógica predominantemente no rejeito e no estéril é o carbonato, reflexo da litologia local. Tal composição refletiu também nos elevados valores de pH, que variaram de 7,6 a 8,0. Esses rejeitos apresentaram granulometria fina (predominância de areia muito fina, fina e silte), além de altas concentrações de metais, principalmente 'PB' (concentração média de 5.236,67 mg/kg) e 'ZN' (7.726,53 mg/kg). Dos metais analisados, o 'PB' excedeu o valor preconizado na norma ABNT NBR 10.004:2004,tanto nos extratos lixiviados como nos solubilizados, para todas as amostras analisadas, o que permitiu classificar tais resíduos como Classe I - Perigoso. No ensaio de variação de pH, de forma geral, o 'ZN' apresentou maior liberação na condição inicial mais ácida (pH 3), com média de liberação de 11,54 mg/L após sessenta minutos de ensaio; embora nas outras condições também tenha ocorrido liberação considerável. A partir da extração sequencial, foi possível verificar que todos os metais (com exceção do 'CU') estavam associados à fase de óxidos/hidróxidos, porém as fases consideradas de maior mobilidade (trocável e carbonática) estavam presentes em concentrações significativas para todos os metais analisados. As cinco amostras analisadas mostraram-se heterogêneas sendo que a RP5 e a RP7, apresentaram maior mobilidade dos metais 'PB' e 'ZN', além de terem apresentado maior toxicidade nos ensaios de ecotoxicidade. Para o ensaio de ecotoxicidade aquática, tais amostras apresentaram imobilidade dos neonatos até mesmo nas diluições menos concentradas (diluições contendo somente 6,2 e 3,1% de extrato solubilizado). Assim, concluiu-se que o rejeito pode ser considerado perigoso do ponto de vista ambiental, já que as altas concentrações de metais potencialmente tóxicos presentes estão passíveis de liberação e migração no ecossistema, podendo interagir com a biota aquática e terrestre
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.07.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    EESC31100199489TESE 8900
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RAIMONDI, Isabela Monici; RODRIGUES, Valéria Guimarães Silvestre. Estudo e caracterização geológica e geotécnica de rejeitos de mineração: Adrianópolis (PR). 2014.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-17092014-093634/pt-br.php >.
    • APA

      Raimondi, I. M., & Rodrigues, V. G. S. (2014). Estudo e caracterização geológica e geotécnica de rejeitos de mineração: Adrianópolis (PR). Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-17092014-093634/pt-br.php
    • NLM

      Raimondi IM, Rodrigues VGS. Estudo e caracterização geológica e geotécnica de rejeitos de mineração: Adrianópolis (PR) [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-17092014-093634/pt-br.php
    • Vancouver

      Raimondi IM, Rodrigues VGS. Estudo e caracterização geológica e geotécnica de rejeitos de mineração: Adrianópolis (PR) [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18132/tde-17092014-093634/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: