Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Correspondência histológica de parâmetros de imagens de tensores de difusão (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SILVA, RAFAEL EMIDIO DA - FM
  • USP Schools: FM
  • Subjects: DIAGNÓSTICO POR IMAGEM (TENDÊNCIAS); IMUNOHISTOQUÍMICA; RESSONÂNCIA MAGNÉTICA; ENVELHECIMENTO; CÉREBRO (FISIOLOGIA)
  • Keywords: Ageing; Anisotrophy; Anisotropia; Brain; Cérebro; Diffusion tensor images; Envelhecimento; Imagem de tensores de difusão; Immunohistochemistry; Imunoistoquímica; Magnetic resonance images; Ressonância magnética
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: Imagens por tensores de difusão (diffusion tensor imaging - DTI) do cérebro são parte fundamental de exames de ressonância magnética (RM) na rotina clínica. Entretanto, não há informação científica suficiente para inferir a base histológica de parâmetros de imagens de DTI. Um dos achados frequentes nos exames de RM são as áreas de alteração de sinal na substância branca (AASSB). Neste estudo, analisamos imagens de RM post-mortem, em particular as AASSB, e seus correlatos histológicos e imuno-histoquímicos. OBJETIVOS: Descrever os parâmetros quantitativos de imagens de DTI imagens obtidas in cranio post-mortem, comparar com parâmetros de relaxometria e transferência de magnetização e avaliar seus correlatos histológicos nas AASSB e AHAN, utilizando técnicas de correspondência espacial ponto-a-ponto. MÉTODOS: Analisamos áreas distribuídas na substância branca de encéfalos de quatro sujeitos submetidos ao exame de RM post-mortem, aproximadamente 12,87 horas (±2,59). A RM foi realizada em sistema com campo de 3,0 T, sendo utilizadas imagens FLAIR; T2 multi-eco, DTI, Densidade de Prótons para cálculo da taxa de transferência de magnetização (magnetization transfer ratio - MTR). Foram delimitadas regiões de interesse (ROI) em 20 áreas contendo AASSB e 20 áreas homólogas aparentemente normais (AHAN). Para cada área, foram obtidos valores de anisotropia fracional (FA), coeficiente de difusão aparente (ADC), MTR e tempo T2. Os encéfalos foram seccionados em fatias de0,4mm e fotografados em alta resolução. Estas imagens foram co-registradas tridimensionalmente com as imagens de RM, utilizando técnica semi-automatizada para correlação ponto-a-ponto. Os fragmentos analisados foram corados por hematoxilina-eosina (HE), Kluverx Barrera (KB), galocianina (GALL), anti-neurofilamento (anti-NF), antiproteína básica de mielina (anti-MBP) e anti-proteína ácida fibrilar glial (anti- GFAP). RESULTADOS: Os valores de FA foram 0,40 ±0,12 nas AASSB, e 0,52±0,15 nas AHAN. Os valores de ADC foram nas AASSB de 0,129±0,04 x 10-3mm2/s, e 0,108±0,03 x10-3mm2/s nas AHAN. Os valores de MTR foram 51,59±0,88 % nas AASSB, e 52,88±4,09 % nas AHAN. Os valores de RT2 foram 91,79±1,95 % nas AASSB, e 69,94±4,54 % nas AHAN. Os valores de HE foram 162,9±20,0 nas AASSB, e 163,3±20,4 nas AHAN. Os valores de GALL foram de 181,8±4,36 nas AASSB, e 167,11±20,65 nas AHAN. Os valores de KB foram de 168,9±19,08 nas AASSB, e 182.82±20,65 nas AHAN. Os valores de NF médios mensurados foram de 131,6±12,23 nas AASSB, e 128,03±4,74 nas AHAN. Os valores de MBP médios mensurados foram de 153,9 ±13,67 nas AASSB, e 153,18±12,69 nas AHAN. Os valores de GFAP médios mensurados foram de 94.61±7,85 nas AASSB, e 81,23±6,29 nas AHAN. Os testes não paramétricos de correlação (Spearman) entre variáveis de imagens de RM e histologia apresentaram correlação apenas entre FA e GFAP (r=-0,59; p < 0,005). DISCUSSÃO E CONCLUSÕES: De acordo com os resultados obtidos, podemos inferir que a presença degliose é um processo patológico que pode ser detectado utilizando os parâmetros de FA nas imagens de DTI. Os resultados apresentados demonstram que imagens de RM adquiridas post-mortem podem servir para compreender melhor as alterações estruturais do tecido cerebral
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.06.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FM2507460-10W4.DB8 SP.USP FM-2 S583co 2014 ex.rev.
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Rafael Emidio da; AMARO JÚNIOR, Edson. Correspondência histológica de parâmetros de imagens de tensores de difusão. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5151/tde-04092014-145000/ >.
    • APA

      Silva, R. E. da, & Amaro Júnior, E. (2014). Correspondência histológica de parâmetros de imagens de tensores de difusão. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5151/tde-04092014-145000/
    • NLM

      Silva RE da, Amaro Júnior E. Correspondência histológica de parâmetros de imagens de tensores de difusão [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5151/tde-04092014-145000/
    • Vancouver

      Silva RE da, Amaro Júnior E. Correspondência histológica de parâmetros de imagens de tensores de difusão [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5151/tde-04092014-145000/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI: