Ver registro no DEDALUS
Exportar registro bibliográfico

Simulação numérica da hidrodinâmica de biorreator em leito fixo para tratamento de vinhaça (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: OKIYAMA, DAYANE CRISTINA GOMES - FZEA
  • USP Schools: FZEA
  • Sigla do Departamento: ZEA
  • Subjects: EFLUENTES; MECÂNICA DOS FLUÍDOS COMPUTACIONAL
  • Keywords: Computational fluid dynamics; Effluent treatment; Fluidodinâmica computacional; Hydraulic retention time; Lattice Boltzmann method; Meio poroso; Método de Lattice Boltzmann; Porous medium; Tempo de detenção hidráulica; Tratamento de efluentes
  • Language: Português
  • Abstract: Oriunda da etapa de destilação do caldo do caldo da cana-de-açúcar, a vinhaça é um subproduto da produção de etanol. Apesar de seu difundido uso na agricultura canavieira como fertirrigação, sua disposição no solo tem sido questionada quanto a possíveis riscos ambientais. Uma destinação alternativa à vinhaça e seu tratamento anaeróbio, considerado bastante atrativo haja vista a possibilidade de recuperação de energia na forma de biogás, sem interferir em suas qualidades como biofertilizante. Entre os sistemas de tratamento anaeróbios, os reatores de leito fixo têm sido amplamente utilizados devido à sua estabilidade operacional. A modelagem abrangente destes tipos reatores tende a ser complexa de forma que o estudo dos escoamentos em seu interior do reator é vital. Neste contexto, o objetivo deste trabalho foi analisar e simular numericamente a hidrodinâmica de reator de leito fixo de fluxo ascendente tipo APBR (anaerobic packed bed reactor). Em termos gerais, os resultados obtidos por simulação foram confrontados tanto com os correspondentes valores experimentais como com aqueles obtidos a partir dos modelos uniparamétricos comumente usados para representar reatores não ideais. Para tanto, foram empregados dados pré-existentes de ensaios hidrodinâmicos conduzidos no início e no final da operação, com biorreator alimentado com solução-traçador na forma de degrau a vazões de 4,6 L/dia e 2,3 L/dia. Foram considerados os modelos de dispersão de pequena e grande intensidade bemcomo o modelo de tanques agitados em série. Quanto às simulações numéricas, foi usado o software de CFD (fluidodinâmica computacional) COMSOL Multiphysics ® 4.3b. As curvas DTR obtidas via simulação e com base nos modelos para reatores não ideais foram confrontadas com as curvas obtidas experimentalmente. Para o reator operando com vazão de 2,3 L/dia, nenhum dos modelos propostos mostrou-se adequado quanto ao final da operação, em razão da incapacidade em representar o surgimento de picos de concentração que podem estar associados ao acúmulo de biomassa no interior do biorreator, mas também ao tipo de traçador utilizado para a realização do experimento. As demais curvas DTR sugerem que o reator em questão aproxima-se do tipo pistonado. O simulador CFD representou de forma bem adequada os dados experimentais em comparação com resultados obtidos a partir dos modelos para reatores não ideais. A simulação numérica de biorreatores para tratamento de efluentes mostrou-se, pois, capaz de fornecer informações mais detalhadas e precisas, geralmente úteis a engenharia do processo. Adicionalmente, foi implementado um simulador com base no método de Boltzmann em rede (lattice Boltzmann method, LBM) capaz de simular escoamento laminar bidimensional em regime permanente no interior de um canal. No escopo de uma linha de pesquisa em simulação LBM de biossistemas agroindustriais, trata-se de um esforço inicial quanto à simulação LBM da hidrodinâmica de biorreatores para tratamento de efluentes em geral
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.03.2014
  • Acesso online ao documento

    Online access or search this record in

    Exemplares físicos disponíveis nas Bibliotecas da USP
    BibliotecaCód. de barrasNúm. de chamada
    FZEA11400025461T.1085
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OKIYAMA, Dayane Cristina Gomes; RABI, José Antonio. Simulação numérica da hidrodinâmica de biorreator em leito fixo para tratamento de vinhaça. 2014.Universidade de São Paulo, Pirassununga, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74132/tde-19092014-090721/ >.
    • APA

      Okiyama, D. C. G., & Rabi, J. A. (2014). Simulação numérica da hidrodinâmica de biorreator em leito fixo para tratamento de vinhaça. Universidade de São Paulo, Pirassununga. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74132/tde-19092014-090721/
    • NLM

      Okiyama DCG, Rabi JA. Simulação numérica da hidrodinâmica de biorreator em leito fixo para tratamento de vinhaça [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74132/tde-19092014-090721/
    • Vancouver

      Okiyama DCG, Rabi JA. Simulação numérica da hidrodinâmica de biorreator em leito fixo para tratamento de vinhaça [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/74/74132/tde-19092014-090721/